Header Ads

Dois jogos, dois pontos

(Foto: Fernando Torres/ASCOM Paysandu)
Nesta tarde (21), o Paysandu voltou a jogar perto da torcida, enfrentando o Oeste no Mangueirão. O Papão vinha de um empate na Série B e o clube paulista de uma derrota, quem saísse vitorioso conquistaria os primeiros três pontos na competição. Entretanto, o empate acabou dando a ambos apenas um ponto.

O JOGO

O Paysandu começou o primeiro tempo pressionando. Aos 2 minutos, Ricardo Capanema roubou a bola na frente da área e deu o passe para Rafael Costa, que bateu de primeira, mas Felipe Alves espalmou. Logo depois, novamente o meia do Papão parou no goleiro do Oeste quando soltou uma bomba de fora da área.

O visitante só foi levar perigo aos donos da casa quando o cronômetro marcava 24 minutos, após Ricardo Bueno "gingar" para cima de Pablo e cruzar para Mazinho, que chegou isolando. Passados dois minutos, Mazinho apareceu novamente, Clebson recebeu na esquerda e cruzou para o atleta, que chutou forte mas para fora. Logo depois Alexandro foi derrubado na área pelo zagueiro, entretanto, o juiz sinalizou simulação. Aos 38', Clebson chegou sozinho pela direita, deixou Pablo para trás e cruzou rasteiro para Ricardo Bueno, que dominou e chutou para abrir o placar no Mangueirão.

Alexandro imitando o Lobo (Foto: Reprodução Premiere)
No segundo tempo o Paysandu começou atacando novamente com Rafael Costa, que arriscou de fora da área e viu o goleiro Felipe se esforçar para mandar para escanteio. No minuto seguinte, Roniery cruzou e Alexandre furou o que seria o gol de empate do alviazul. Aos 16', o Oeste respondeu quando Leo Artur driblou Roniery e quase ampliou o placar. Dez minutos depois, após lançamento na área de Rubrão, Gualberto desviou e Alexandro chutou para o gol, o goleiro defendeu e no rebote o atacante mandou para a rede e saiu para comemorar imitando um lobo.

O time da casa, que mandou no segundo tempo, ainda teve chance de ampliar com Capanema aos 30 minutos, quando ele chutou da entrada da área e a bola passou raspando a trave. Nove minutos depois, Ricardo Buena finalizou torto e perdeu a oportunidade de ficar na frente novamente. Placar final: Paysandu 1x1 Oeste.


Palavra da colunista: Pela primeira vez em muito tempo, o Paysandu voltou a atacar mais pelo meio e pouco pelas laterais. Rafael Costa só tem contribuído com chutes de longe. João Lucas péssimo na marcação. A dupla Alexandro-Cearense não deu muito certo, Alexandro precisa de um atacante veloz para acompanhá-lo.

Próximo jogo: Terça-feira (24), às 21h30, contra o Tupi em Juiz de Fora.

FICHA TÉCNICA:
Paysandu: Emerson, Roniery (Edson Ratinho), Pablo, Gualberto, João Lucas, Ricardo Capanema, Augusto Recife, Celsinho, Rafael Costa (Ruan), Leandro Cearense e Alexandro (Raphael Luz). Téc: Dado Cavalcanti
Oeste: Felipe Alves, Francis, Bruno Silva, Velicka, André Castro, Matheus Vargas (Bruno Lima), Clébson, Mazinho (Felipe Diadema), Maurinho, Ricardo Bueno, Léo Artur (Betinho). Téc: Fernando Diniz

Cartões Amarelos: Emerson, Celsinho e Alexandro (PAY) Matheus Vargas e Ricardo Bueno (OES)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.