Header Ads

Lei do ex: Jobinho marca na sua estreia e Paysandu vence

Nesta segunda-feira (26), o Paysandu enfrentou o Bragantino, na partida de encerramento da 27° rodada da Série B. Os dois times lutavam pelo mesmo objetivo e a vitória era essencial para se afastar da zona de rebaixamento.

O jogo marcava também o reencontro de Dado Cavalcanti x Marcelo Veiga, o técnico do Braga já havia comandando o rival do clube alviazul e enfrentado o time do Papão em três oportunidades. Com esta partida, Dado e o Paysandu confirmaram sua superioridade e garantiram a terceira vitória em cima do técnico alvinegro.

A primeira jogada de perigo saiu aos 15', após Bruno Pacheco e Alan Mineiro errarem a jogada ensaiada de escanteio, Edson Ratinho aproveitou para puxar o contra-ataque e abrir em Tiago Luís, que cruzou na cabeça de Jonathan, mas a bola acabou batendo no zagueiro Ednei. No minuto seguinte veio à resposta do Massa Bruta, Alan Mineiro recebeu na direita e cruzou para Grampola, que acabou cabeceando por cima do gol.

1, 2, 3 vezes Paysandu. (Foto: Fernando Torres/ASCOM Paysandu)
O jogo parecia caminhar para o zero a zero e mesmo com as oportunidades claras, como a falta de Rafael Costa que passou raspando a trave de Felipe e quando Leo Jaime cruzou para área e Ratinho quase fez contra, foi assim que a partida terminou no primeiro tempo.

No segundo tempo, o time da casa resolveu fazer jus a sua campanha de mais de um ano invicto no Mangueirão. E aos quatro minutos, numa bela troca de passes, Leandro Cearense fez a parede para Tiago Luís achar Jonathan na área, o volante bateu cruzado e Jobinho pareceu de carrinho para empurrar para as redes, fazendo valer a Lei do Ex. Dez minutos depois, Ednei dividiu com Cearense e a bola sobrou para Rodrigo Andrade deixar o camisa 9 cara a cara com Felipe, Leandro demonstrou a frieza de centroavante e mandou por cima do goleiro visitante.

E ainda dava tempo de sair mais um. Em nova triangulação entre eles, Leandro Cearense cruzou para área e Tiago Luís ajeitou com o peito para Jonathan fuzilar e marcar o 3° gol do Lobo e da partida.

O Paysandu chegou ao 16° jogo sem perder no Mangueirão, já são nove vitórias e sete empates, com 30 gols marcados e 13 sofridos. Com a vitória o time bicolor chegou aos 35 pontos, indo para a 13ª colocação e ficando a oito pontos da zona e a sete do acesso.

Palavra da colunista: Os números de Tiago Luís pelo Papão impressionam, já são cinco gols e cinco assistências em 13 jogos, de longe o melhor do meio bicolor. Junto dele, Leandro Cearense parece ter sido substituído por um irmão gêmeo que não nos causa tanto estresse. Os dois juntos tem ajudado muito o clube, armando e completando jogadas de perigo.

Com exceção das laterais, essa foi uma das melhores escalações do time na Série B. Pelo menos na teoria, na prática, vimos um Rafael Costa que não consegue corresponder às expectativas, mas um time que de certa forma, vimos o time conseguiu corresponder à altura.  Apesar de um primeiro tempo não tão bom, no segundo, vimos à equipe sobrar em campo.

Jobinho estreou da melhor forma possível, jogando bem e fazendo gol. Porém ainda é cedo para avaliar. Outra atuação que merece destaque é a de Rodrigo Andrade, mais conhecido com Pelézinho, que desarmou bem demais e como bom volante, não teve medo de fazer faltas necessárias.

Próximo confronto: O Papão volta aos gramados nesta sexta-feira (30), contra o Avaí, às 21h30min, na Ressacada.

Cássia Gouvêa || @_cassiagouvea
Linha de Fundo || @SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.