Header Ads

West Ham 1x5 Arsenal: Para chileno ver

(Foto: Getty Images)

O mês de novembro não tinha sido um dos melhores. Atuações ruins, resultados "achados" e muita insatisfação.. Enfim, mês novo, vida nova. Enfrentamos o West Ham no novo London Stadium,e literalmente mostramos um futebol com uma nova vida. 

Os Hammers estavam perdidos em campo jogando em um confuso 3-4-3. A chave para vencer o jogo se apresentou cedo: o lado direito da defesa do time da casa era formado por Edmilson Fernandes e Arbeloa, o que representava que aquela parte do campo seria essencial para nossas ações na partida, já que os dois jogadores não conseguiam se entender. Não foi à toa que Chamberlain e Monreal fizeram a festa jogando por ali e criaram as principais chances de gol no primeiro tempo. 

Özil apenas completa para o gol após receber passe de Alexis. (Foto: Getty)

Nosso gol, porém, veio por causa de um erro forçado da defesa do West Ham. O Arsenal pressionou, e Coquelin interceptou um passe de Obiang. A bola caiu no pé de Alexis, que driblou o zagueiro e, cara a cara com o goleiro, apenas tocou para o lado para Özil marcar com o gol vazio. O placar fora aberto e esse era apenas o começo do show de Sanchez. 

No segundo tempo, as coisas não mudaram muito: o Arsenal criava chances, mas desperdiçava todas. Em até certo momento o West Ham começou a gostar do jogo e isso representava um perigo por que se os Hammers marcassem naquele momento provavelmente iriam gostar do jogo e talvez a história seria diferente. Mas o show deveria continuar, e, no momento em que o West Ham mais gostava do jogo, Alexis Sanchez deu conta do recado. Após receber um passe vindo da defesa, o chileno fintou Masuaku e Ogbonna sozinho e marcou um belo gol.

Alexis deu um show para qualquer chileno se sentir orgulhoso e aplaudir. (Foto: Getty)

A porteira iria se abrir. Após alguns minutos, Alexis marcaria de novo. Xhaka tentou um passe em profundidade para Monreal, porém a bola bateu na defesa do West Ham. Então, nosso camisa 7 ajeitou seu corpo e bateu nela do jeito que ela tava. 3 a 0 para o Arsenal. 

Mas nem ficamos com aquele gostinho de "partida resolvida" por muito tempo. Três minutos depois, Payet cobrou uma falta na trave e no rebote Andy Carroll - pra variar - fez um gol de cabeça. Mas, a alegria do time da casa durou pouco já que no lance seguinte Chamberlain acertou um lindo chute para colocar a vantagem do Arsenal em 3 gols de diferença de novo. Logo após, Alexis recebeu um passe entre os zagueiros, deixou o goleiro no chão e deu um toquinho por cima para finalizar o seu show. Três gols, uma assistência e uma vontade enorme de colocar o Arsenal no topo.

Alexis deixa Randolph no chão para marcar o seu Hat-trick. (Foto: Reuters)

Essa goleada pode ser um sinal de um dezembro brilhante que está por vir pela frente. O West Ham, mesmo em má fase, é um time perigoso e essa foi uma boa vitória. Senti falta de Walcott, que poderia ter aproveitado esse jogo que estava com uma defesa fraca para deixar sua marca. Após um começo estrelar de temporada, parece que sua última lesão atrapalhou-o demais e até agora o inglês não voltou a apresentar aquilo que vimos nas primeiras rodadas. 

O destaque da partida foi sem dúvidas Alexis Sanchez. O chileno mais uma vez deu show e agora é o artilheiro e jogador do Arsenal com mais assistências no campeonato, 11 e 4, respectivamente. Se mantiver o que está jogando até agora, ele tem tudo para lutar pelo melhor jogador da Premier League.

Nosso próximo compromisso é pela Champions League. Na terça, enfrentaremos o Basel no St. Jakob-Park. Pela Premier League, temos um compromisso contra o Stoke City no sábado no Emirates Stadium. 

@SiteLF / @PLBrasil_LF
Autor: @sergiostn_




Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.