Header Ads

Base forte: Rodrigo Andrade e Leandro garantem liderança

Há tempos a maior preocupação de todo torcedor do Paysandu em Campeonatos Brasileiros são as atuações do time fora de casa. Empatar e trazer apenas um ponto para casa já era considerada uma grande vitória. Mas os tempos podem estar finalmente mudando, isso graças a grande fase que o time alviazul vem tendo no campeonato. São 10 pontos conquistados de 12 disputados.

Na noite desta sexta-feira (02), o Paysandu enfrentou o América-MG, no Independência e garantiu sua primeira vitória fora de seus domínios, permanecendo invicto, sem levar gols e se garantindo na liderança da Série B.

A partida começou favorável para o time visitante, que logo aos cinco minutos teve chance de abrir o placar com um chutaço de Ayrton, defendido por João Ricardo. Porém não demorou muito para o panorama do jogo mudar. Logo após o lance, o Coelho passou a mandar na partida, garantindo a posse de bola e as melhores oportunidades, já o clube paraense começou a errar quase tudo que tentava.

(Foto: @AmericaMG)
O primeiro lance perigoso do alviverde foi aos 10', quando Ernandes pegou sobra da defesa próximo à área e cruzou na medida para Felipe Amorim, entretanto, o cabeceio acabou passando por cima da meta de Emerson. A partir daí, as jogadas de perigo do América se intensificaram e o time parecia estar cada vez mais perto de furar o gol do Emerson que passou a ser muito testado, os dois lances mais difíceis saíram aos 20' e 36'. O primeiro foi um chute venenoso do Zé Ricardo, de longe, espalmado pelo goleiro. No segundo, após um bate e rebate, Bill aproveitou a sobra e em cima da linha, viu o goleiro alviazul se agigantar e impedir o 1x0.

Mais uma vez, a grande máxima do futebol se fez valer: quem não faz, leva. E o time mineiro levou. Aos 43', num contra-ataque, Fernando Gabriel deu passe milimétrico para Rodrigo Andrade, o volante alviazul com frieza de atacante, bateu com força e no alto, tirando todas as chances de João Ricardo e marcando o primeiro gol do Papão na partida.

Na segunda etapa, o Paysandu passou a errar menos. O adversário continuava buscando o gol, mas não conseguia chegar com a mesma facilidade que chegava ao primeiro tempo. Foram diversas bolas alçadas na área do Lobo e todas acabaram ficando no domínio dos atletas alviazuis. Tudo levava a crer que o jogo estava mais perto de um empate do que de um segundo gol dos visitantes. Mas mais uma vez, o Papão passou por cima de tudo e numa bela jogada, conseguiu chegar ao seu segundo gol. O lance aconteceu aos 29', quando Marcão recebeu a bola na ponta esquerda, driblou Noberto e cruzou rasteiro para Leandro Carvalho, que livre de marcação, chutou de perna esquerda para ampliar o placar.

O América-MG tentou de todas as formas sair do zero, continuou arriscando mais e chegando mais, porém a vitória do líder já estava concretizada.

Próximo jogo: O Paysandu volta a jogar nesta terça-feira (06), às 19h15, contra o ABC-RN, no Frasqueirão.

Palavra da colunista: Apesar de um primeiro tempo fraquíssimo, onde o Paysandu se viu diversas vezes ameaçado, o time conseguiu sair do Independência com uma boa vitória. Talvez esse bom resultado esteja associado também a melhora do time na segunda etapa, que conseguiu errar menos e demonstrar segurança. Outro fator importantíssimo para sairmos com o resultado favorável, foi a grande atuação de Emerson, que voltou a parecer seguro no gol bicolor. Saiu-se bem em todos os momentos em que foi exigido.

A fase está boa, o time não levou gols na Série B e é líder. Porém existe um questionamento para ser feito. Será que sistema adotado pelo Chamusca (4-1-4-1) é o ideal? Arriscar o Rodrigo Andrade de ponta acaba "queimando" o garoto, que apesar do gol hoje, se saí bem melhor na sua posição de origem.

A câmera do jogo pegou uma bela e conscientizada imagem e é com essa mensagem que encerro hoje: #DoeMedula.

(Foto: @RossellaOdd)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.