Header Ads

Lobo derrota Pantera e é o único 100%

Debaixo de muita chuva, Paysandu e São Raimundo se enfrentaram pela terceira rodada do Campeonato Paraense, na noite desta quarta-feira, na Curuzu. O Pantera vinha de uma derrota doída contra o Bragantino no final de semana e ia em busca da vitória para se igualar ao líder no grupo A2, já o Papão vinha embalado, pois era, até o momento, um dos dois únicos 100% da competição e líder absoluto.

Visando o RexPa do próximo domingo, o time da casa resolveu poupar atletas (como Diego Ivo e Maicon Silva), fazer testes em algumas posições, além de variações táticas.


O Paysandu começou a partida num 4-1-2-1-2, com os atacantes Mike e Cassiano se movimentando bastante e mudando constantemente de lado, que mudava para um 4-1-4-1 na hora de se defender, com Nando a frente da zaga e Fábio Matos pressionando os zagueiros. Um dos estreantes da noite, Matheus Silva, se mostrou uma boa opção na lateral, subindo e atacando bem, correspondeu de forma positiva a proposta de Marquinhos Santos para o jogo.

Aos 23’ da primeira etapa, Danilo Pires pediu para sair após sentir dores musculares e foi substituído por Pedro Carmona, que entrou para desempenhar a mesma função de Danilo. Cinco minutos depois o Paysandu teve sua primeira grande chance, quando Matheus Silva fez uma grande jogada e cruzou rasteiro na área para Fábio Matos, que tentou de letra, mas foi travado pela zaga do São Raimundo.

Os goleadores da noite (Foto: Fernando Torres/ASCOM Paysandu)
Com 34’, Mike recebeu de Pedro Carmona e cruzou para Cassiano, que dominou entre dois marcadores e chutou, Jader até tocou na bola, porém não conseguiu evitar o gol alviazul. Cinco minutos depois, o Lobo ampliou. Após triangulação entre Lindenberg, Mike e Cassiano, o lateral cruzou, a defesa afastou mal e a bola sobrou para Carmona dominar e bater para o fundo da rede, fazendo 2x0.

No segundo tempo o jogo acompanhou o clima de Belém e também esfriou, tendo pouquíssimas chances. Com 12’, Magno substituiu Cassiano e fez a mesma função do atacante. Depois de 7 minutos, ele foi lançado pela esquerda, entrou na área e chutou colocado, mas a bola acabou desviando na zaga e foi para fora.

Aos 25’, Fábio Matos deu lugar a Peu, fazendo o Paysandu ficar com 3 atacantes e ir para um 4-3-3, com Peu centralizado, Mike e Magno nas pontas. Com 33’, Carmona deu passe pelo alto, achando Magno, que ajeitou e isolou. No finalzinho da partida, o Pantera teve sua única chance, com Jefferson Monte Alegre cruzando para Romário desviar de cabeça e fazer o gol, que teve impedimento marcado. Final: Paysandu 2x0 São Raimundo.

Com a vitória sobre o Pantera, o Lobo se tornou o único clube 100% da competição.

Próximo jogo: Neste domingo (28) teremos o primeiro Clássico-Rei da Amazônia do ano, às 16h00, no Mangueirão.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.