Header Ads

Xepa LF FC - Rodada #11

  Fala, Cartoleiros e Cartoleiras!

   Senhoras e Senhores, quanta honra estar com vocês, brincar com vocês, mitar com vocês.


   Antes de começar a nossa querida resenha sobre o desempenho do Linha de Fundo na décima rodada, venho por meio desta agradecer ao Cazares e, como diria Luís Roberto, 
Esse Negro maravilhoso!”. Quarto jogo do Equatoriano, quarta vez que o Xepa aposta nele e o cara NÃO DECEPCIONA! QUE HOMEM!

   Agora que já nos recompomos, vamos a resenha: Numa rodada mediana, o setor defensivo (Sidão, L.Ricardo, V.Hugo, Maicon e Edilson) foi sólido com todos jogadores fazendo mais de 5 pontos. O meio (Cazares, Giuliano e T.Mendes) apenas satisfatório, não nos frustrou como o nosso ataque (Roger, Everton e Rangel). Com essa escalação, o Xepa LF, melhor time do LF na rodada, fez 58 pontos, dois a mais que o Chuck Norris LF.

  O quadro Unanimidades foi o destaque com as três dicas valiosas que somaram mais de 35 pontos. Patrão Cartoleiro e Site LF (time no qual os seguidores do @SiteLF escolhem no Twitter) foram abaixo do normal, fazendo 39 e 29 pontos respectivamente.
Resenha feita, vamos ao que interessa! #RumoAoG4doLinhaDeFundo


                                                       XEPA LF FC


Goleiro: F. Miguel (Vitória) – Apesar de ter passado o jogo sem tomar gol em apenas uma única partida, o goleiro do Vitória costuma a fazer boas pontuações jogando no Barradão.

Lateral: D. Santos (Atl-Mg) – O jovem lateral tem pela frente um clássico contra o América. Nada disso impede a escalação do jogador, uma vez que o Galo Forte e Vingador está numa crescente recuperação.

Zagueiro: Alan Costa (Inter) – Diante de um dos ataques mais ineficiente do campeonato, a aposta é ampla na zaga e ataque do Inter. Ataque é forte e a defesa segura, sendo ela a menos vazada do Brasileirão.

Zagueiro: Erazo (Atl-Mg) – Titular no Equador e no Galo, o time mineiro sentiu a sua falta quando esteve na Copa América. Junto com L.Silva formam uma zaga respeitada.

Lateral: Ayrton (Figueirense) – Ex-lateral do Coxa é a grande aposta do Xepa. Jogando no Scarpelli, o Figueirense não costuma a decepcionar e dificilmente é vazado, porém, mesmo quando é vazado, Ayrton consegue boa média.

Meia: Cazares (Atl-Mg) – Só escale.

Meia: Diego Souza (Sport) – Jogo na Ilha? Escale Diego Souza.

Meia: M.Gabriel (Corinthians) – Mesmo conturbado, o Timão é fiel na meiuca do Xepa. Em todo jogo na Arena, o nosso time costuma a ir bem quando escalamos um meia Corintiano.

Atacante: Sasha (Inter) – Amor e Ódio com os Cartoleiros. Esperamos que desta vez, diante do Botafogo, consiga mitar. Vitinho não joga.

Atacante: Marinho (Vitória) – Único motivo: Quando escalamos Kieza, o atacante não faz nada. Agora vamos tentar com o seu companheiro.

Atacante: Walter (Atl-Pr) – O dono da Barriga mais famosa do Brasil, mesmo numa fase terrível, é a aposta no ataque. Na Arena da Baixada, perante o Grêmio, já foi oferecido ao gordinho dois Big Mac, 3 cachorros-quente e uma breja gelada em caso de mitagem.

Técnico:  V.Mancini (Vitória) – Caso fossemos seguir a lógica de escalar o treinador do time que tenha mais jogadores no Xepa, iríamos ultrapassar o limite de Cartoletas, por isso não escalamos o M.Oliveira. A responsabilidade de comandar o time mais querido do Brasil ficará nas mãos do técnico do Rubro-Negro Baiano.

         Com esses jogadores, com esses mitos, o XEPA VAI MITAR!

   abçs, Galera,

       Matheus Freitas       @_MFreitas9_

       Linha de Fundo     @SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.