Header Ads

Muito calor e pouco futebol, Lusa empata sem gols em sua estreia na A2

Portuguesa empata sem gols com o Barretos, no interior paulista (Foto: Lucas Ventura/NetLusa)
A Portuguesa foi até Barretos enfrentar a equipe da casa, em busca do acesso para a elite do futebol paulista. E o resultado foi decepcionante, tanto para os jogadores, quanto comissão técnica, quanto torcedores que até se retiraram do estádio Fortaleza antes do término da partida. E não viram o soar final do apito aos 90 minutos.

O resultado foi decepcionante e não apenas para um lado, se a Lusa tinha algum favoritismo antes da bola rolar, com ela rolando e ao fim do jogo, a decepção foi dos mandantes. O BEC teve poucas chances, mas as melhores do jogo, acertando a trave do goleiro Douglas por duas vezes no decorrer da partida.

Se o Barretos estava acostumado ao clima da cidade e ao campo de jogo, a Portuguesa tinha que se virar com o entrosamento e a falta de jogadores que fizeram com que o técnico Estevam Soares tivesse que escalar uma equipe totalmente remendada para a estreia no certame. O lateral esquerdo Anderson, o zagueiro Rafael Zuchi titulares da equipe obrigaram o técnico a fazer o improviso do zagueiro Luan Peres na lateral esquerda, e do experiente volante Ferdinando na zaga.

O BEC e a Portuguesa fizeram um jogo tecnicamente muito fraco, mas pela Lusa, com os desfalques, calor e pressão exercida pelos mandantes pode considerar o resultado um "bom resultado". O BEC por ter enfrentado uma das equipes que postula uma das vagas a série A1, pode também considerar o empate um bom resultado.

O próximo compromisso da Portuguesa pelo Paulista da A2 é com o Juventus, às 20 horas.

Escalações:

BARRETOS: Júnior; Lucas Mendes (William Cordeiro), João Vitor, William Mineiro e Cleydson; Diogo Margazão, Ualisson Picachu, Lídio e Norton (Almir Dias) e Luciano Mandí; Jorge Préa (William Santos). Téc. Vilson Tadei

PORTUGUESA: Douglas; Digão, Talis, Ferdinando e Luan Peres; Renan, Milton Jr (Diego Gonçalves), Matteus, Boquita (Marcelo Labarthe); Moacir (Guilherme) e Dominic. Téc. Estevam Soares

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.