Header Ads

Classificação mexicana e decepção jamaicana em Pasadena

O JOGO

México e Jamaica duelaram em jogo válido pela segunda rodada da Copa América Centenário na madrugada desta quinta (10), no Estádio Rose Bowl, em Pasadena. Em uma partida bem movimentada, os mexicanos venceram por 2 a 0 selando sua classificação para próxima fase da competição.

Chicharito abriu o placar para o México. Foto: Divulgação Oficial Copa América
Ao contrário do que se esperava, o favoritismo mexicano não se traduziu desde o início do jogo e mesmo com gritos de “olé” vindos de sua torcida, foram os jamaicanos que começaram assustando e partindo ao ataque.

Porém logo em sua primeira investida, os mexicanos abriram o placar com sua grande estrela, Chicharito Hernandez, após cruzamento de Corona. A partir daí o México ficou com controle do jogo, mas só a Jamaica chegava com perigo, desperdiçando várias chances de gol.

Na segunda etapa, a seleção mexicana assumiu uma postura mais ofensiva, procurando ficar mais com a bola, entretanto sofria com os contra-ataques jamaicanos que assim como no primeiro tempo, não resultaram em gol, graças a uma atuação impecável do goleiro Ochoa.

E como já diz uma das máximas do futebol, “quem não faz...”. Aos 35 minutos, Oribe Peralta, que havia entrado no lugar de Chicharito entrou sozinho dentro da área e finalizou cruzado, para dar números finais ao marcador e eliminar a Jamaica da Copa América.


MÉXICO

Não foi uma das melhores partidas da seleção mexicana ao comando de Juan Carlos Osorio. A linha defensiva tão elogiada nos últimos jogos, sofreu com a movimentação do time adversário, porém contou com a má pontaria dos atacantes jamaicanos e uma grande atuação de seu goleiro Ochoa. Entretanto, a equipe manteve regularidade em relação à posse de bola e eficiência ofensiva com seus dois atacantes indo às redes para resolver o jogo.

Agora, os mexicanos chegam a incríveis nove vitórias em nove jogos com o novo comandante Juan Carlos Osorio e cada vez mais se consolidam como fortes candidatos ao título.

Com a vitória conquistada diante de mais de 80 mil pessoas, o México já soma os mesmos seis pontos da Venezuela e já classificadas, ambas as equipes decidem a primeira posição do grupo na próxima segunda-feira (13).

JAMAICA

Após estrear com uma derrota diante da Venezuela, os Reggae Boyz jogaram todas as suas fichas no duelo local contra os mexicanos. O técnico alemão Winfried Schäfer manteve o tradicional 4-4-2 com suas duas linhas de quatro na defesa e no meio campo e os atacantes Donaldson e Barnes mais avançados.

Com duas derrotas em dois jogos, Jamaica esta eliminada da Copa América.
Foto: Reuters
Precisando do resultado, a Jamaica se lançou ao ataque desde o início, mas foi castigado com o gol de Chicharito aos 17 minutos. A desvantagem no placar não intimidou os caribenhos que continuaram buscando o resultado, mas a reação parou nas mãos do goleiro mexicano Ochoa.

Na etapa complementar, Schäfer não tinha outra opção se não mandar o time ao ataque, uma derrota eliminaria os jamaicanos do torneio. Mas quanto mais o tempo avançava, os Reggae Boyz não conseguiam furar a defesa mexicana mesmo ficando com a bola nos pés.

Com a defesa aberta pela necessidade de buscar o empate, o golpe de misericórdia veio aos 35 minutos com o gol de Peralta. Entregues ao resultado, os jamaicanos não tiveram como reagir e jogam a terceira rodada contra o Uruguai apenas para cumprir tabela.

Pedro Henrique (@peeedrito17)
Lucas Felipe (@lsouza73)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.