Header Ads

Brasil empata um jogo ganhável

Fico de cara quando alguém vai para o rádio prescrever que o Brasil tem que ficar entre os dez e se manter na Série B. Quando é alguém que conseguiu vencer o Flamengo em um gol antológico* então? É a pouca fé que muitas vezes nos leva para o inferno. Bem, antes do início do campeonato acho que até eu pensava assim. Mas, agora, eu quero é Série A.

(Foto: Carlos Insaurriaga/Brasil de Pelotas)
Para mim, hoje eram três pontos certos. Afinal, o Tupi está abraçado com o Z4 desde que o campeonato iniciou e não escapa da degola. Sei que os mineiros vão discordar. É do jogo, uai. Mas não é que o gol dos caras saiu primeiro do que o nosso? E por sinal foi um golaço. Luiz Paulo aos trinta e seis minutos engavetou a bola em um chutaço. Isto já está virando mania e temos que dar um jeito para acabar com a festa alheia. Com treinador novo, o time mineiro foi para as cabeças em busca da vitória a qualquer preço e tiveram o gostinho dela por um bom tempo.

O triste de um jogo como este, além de não ganhar, claro, é ver aquele mundão de arquibancada vazia, abandonada, sem uma viva alma. Também pudera, apenas oitocentos e cinquenta e seis torcedores marcaram presença no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora.

Tche, estou chorando de barriga cheia. Afinal, quem tem Felipe Garcia pode e deve sonhar com a classificação. Trinta e um do segundo tempo e o décimo terceiro gol do “Matador Xavante”. Um a um e ainda tem jogo. Olha só isso, olha só isso! Quarenta e nove do segundo tempo e o Brasil deixa de fazer o gol da vitória. Não acredito, deu empate. Empatamos com o Tupi.

Para mim, o pior desse empate foi sair do G4. Se bem que ficamos ali, a um pontinho do céu e temos condições de voltar para o paraíso já na próxima rodada. No calor do Bento Freitas, vamos torrar o Ceará.

-----------------------

* 1985, Campeonato Brasileiro – Brasil 2x0 Flamengo – Grata lembrança do lance em que Fillol bateu cabeça com Mozer.

Um comentário:

  1. Se você fica triste em ver as arquibancadas vazias, imagine eu torcedor carijó que estou sempre lá, mas saiba que já foi diferente... Admiro a torcida Xavante, assim como os seus textos, só preciso discordar do "jogo ganhável" por questões óbvias. Espero que o Brasil chegue na Série A e que a Série B seja para o Tupi um dia. Abraço!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.