Header Ads

Ufa! Sampaio vira o jogo e vence a Juazeirense pela Copa do Nordeste

Buscando a primeira vitória na Copa do Nordeste, Sampaio Corrêa e Juazeirense se enfrentaram neste domingo (12), às 19h (horário local), no Estádio Castelão, em São Luís. O confronto completou a terceira rodada do Grupo C. O time baiano saiu na frente, mas o Tubarão virou o jogo e venceu por 2 x 1.

A Bolívia Querida venceu a primeira na Copa do Nordeste (Foto: divulgação/www.sampaiocorreafc.com.br)
Para esse jogo, o técnico Vinícius Saldanha mudou o esquema para o 4-4-2 e colocou o zagueiro Arthur Sanches, estreando no time titular, na vaga de Alex Maranhão. Com três volantes em campo, o Sampaio não conseguia frear os avanços da equipe baiana. A Juazeirense parecia jogar em casa e pressionou bastante até abrir o placar. Aos 29 minutos do primeiro tempo, após cobrança de escanteio, Ricardo Braz subiu mais que todo mundo e desviou para o fundo das redes.

A primeira chance clara do Sampaio aconteceu logo após sofrer o gol. O goleiro Tirgre fez uma difícil defesa na cabeçada de Carlos Alberto à queima roupa, após cruzamento de Daniel Barros. Logo depois desse lance, o técnico do tricolor fez a sua primeira alteração, substituindo o volante Cloves por Hiltinho, voltando após uma lesão sofrida ainda na pré-temporada. Com a entrada dele, o time passou a dominar a posse de bola e as ações ofensivas do jogo, mas não foi eficiente em suas tentativas.

Na volta para o segundo tempo, o Tricolor processou a sua segunda alteração. Henrique deu lugar ao atacante Guilherme. E foi justamente ele que igualou o marcador. Daniel Barros arriscou um chute forte de fora da área, mas acertou o travessão. Na jogada seguinte, aos 9 minutos, Daniel chutou forte novamente, o goleiro defendeu com o peito, e na sobra, Guilherme, meio atrapalhado, conseguiu finalizar para o gol e empatou a partida.

O Tubarão chegou ao gol da virada aos 33 minutos. Cleitinho aproveitou a sobra de bola, após Guilherme dividir com a defesa e mandou por cobertura para passar à frente no marcador.

Após virar o jogo, a Bolívia Querida conseguiu conter as ações da Juazeirense e manteve o placar em 2 x 1. A dedicação e a mudança de postura no segundo tempo foram os pontos altos do time, mas a limitação técnica ainda é uma grande dificuldade. A torcida boliviana pode se animar com o retorno de Hiltinho e ainda espera a reestreia do lateral direito Roniery.

O Sampaio conseguiu a sua primeira vitória na competição, após duas derrotas, e agora tem três pontos e ocupa a terceira colocação no grupo, quatro a menos que Sport e River. Seu próximo confronto na Copa do Nordeste será contra a própria Juazeirense, no dia 22 de fevereiro (quarta-feira), às 20h, no Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro (BA).

Agora o Tricolor de São Pantaleão volta as suas atenções ao Campeonato Maranhense, pelo qual enfrentará o Imperatriz na próxima quarta-feira (15), às 20h30, no Estádio Frei Epifânio D’Abadia, em Imperatriz, jogo que vale a liderança do Grupo A.

FICHA DO JOGO:
SAMPAIO CORRÊA 2 X 1 JUAZEIRENSE

Local: Estádio Castelão, São Luís (MA)
Data: 12 de Fevereiro de 2017
Hora: 19h (horário local)
Árbitro: Diego da Silva (SE)
Gols: Guilherme, aos 9’ 2ºT, e Cleitinho, aos 33’ 2ºT (Sampaio); Ricardo Braz, aos 29’ 1ºT (Juazeirense)
Cartões amarelos: Arthur Sanches (Sampaio); Patrik e Tigre (Juazeirense)

Sampaio Corrêa: Jean; Arthur, Marques, Arthur Sanches e Esquerdinha; Cloves (Hiltinho), Valderrama, Daniel Barros e Cleitinho; Henrique (Guilherme) e Carlos Alberto (Otávio). Técnico: Vinícius Saldanha.

Juazeirense: Tigre; Nem, Ricardo Braz, Júnior Gaúcho e Elton Lira; Waguinho, Capone, Sassá (Patrik) e Everlan (Coité); Robert e Júnior Chicão (Diego Ceará). Técnico: Paulo Sales.

Marcos Fernandes || Twitter: @poetafernandes
Linha de Fundo || @SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.