Header Ads

Rei dos empates

Chega o momento em que o colunista que vos fala se cansa de tanto escrever que fomos roubados e que chegamos sempre com empates no final, isso tem que mudar no próximo jogo.

Agora vamos ao que interessa. No Oeste x América MG, na noite de sábado do fechamento da rodada, o rubro-negro enfrentou o time de Minas, para tentar chegar ao G4, o Rubrão pensava só na vitória e por isso foi com tudo ao ataque. Já o Coelho jogava só no contra golpe, que era fatal.

No primeiro tempo, o jogo foi muito frio, igual a temperatura em Barueri. Não teve praticamente um lance de gol, mas quando houve, foi um grande lance. Este saiu aos 36', em cobrança de escanteio, quando Erick subiu livre de marcação e cabeceou, mas a bola foi para fora. Poucos minutos depois, o América-MG teve a chance de abrir, o lateral Ernandes arriscou e a bola foi para fora do gol.



(Créditos: AméricaMG)

No segundo tempo, parecia que ambos os times estavam mais animados. Aos 5', houve um lance muito polêmico, Alexandro recebeu o passe e saiu atrás do jogador, porém o bandeirinha deu o impedimento, os jogadores reclamaram com o juiz porque era a chance de gol pro Oeste.


A primeira grande defesa do jogo saiu aos 15', quando o time do Coelho estava ao ataque com Hugo Cabral, que se livrou da marcação e chutou bem forte, para grande defesa de Rodolfo. O jogo ficou melhor, com as duas equipes querendo a vitória. O Rubrão queria vencer de qualquer jeito para entrar ao G4, já o Coelho queria avançar mais ainda na tabela.

Aos 23' o Oeste perdeu uma grande chance com Erick, onde Bill salvou o América-MG em cima da linha. Foram diversas oportunidades de Erick, mas nenhuma resultou em gol. O time tentou fazer substituições para mudar a história do jogo, tirando Erick para a entrada do estreante Gabriel Vasconcelos e tirando Danielzinho para entrada de Raphael Luz, buscando dar mais gás ao time.

Só teve perigo do time do coelho aos 39', quando Christian chegou em velocidade e chutou de primeira, da entrada da área. A bola resvalou na defesa e levou perigo ao gol do Oeste, porém sem sucesso. O jogo acabou como começou, num 0x0.

Na próxima rodada, o Oeste enfrenta o Guarani, em Campinas, com quase 2 anos de invencibilidade, sem perder em casa.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.