Header Ads

Rússia passa pela Nova Zelândia com facilidade na estréia da Copa das Confederações

(Foto: Reprodução/FIFA)

Na estréia da Copa das Confederações, na Arena Zenit, os russos venceram os neozelandeses, em um jogo marcado pelo domínio da seleção russa, que teve uma certa facilidade para vencer a partida. O jogo terminou 2 a 0 para os donos da casa. O primeiro gol da Copa das Confederações saiu com um gol contra de Boxall, aos 31 minutos. No segundo tempo, Smolov fechou o placar. Na próxima rodada, a Rússia enfrentará Portugal, na Arena Otkrytie, no dia 21, as 12h e a Nova Zelândia, o México, no estádio Olímpico de Sochi, também no dia 21, as 15h


PRIMEIRO TEMPO

A Rússia começou tendo as ações do jogo, tendo um grande ímpeto ofensivo. Logo nos 10 minutos iniciais, teve uma bela chance com Golovin, chutando de bem longe para uma defesa de Marinovic, e uma bola na trave, após cabeçada de Vasin. A dominação russa continuaria e a seleção teria mais duas chances de claras de marcar mesmo antes dos 15 minutos. 

Aos 21 minutos, em um cruzamento pela esquerda de Wynne, Vasin corta errado, para entrada da área, e o centroavante Chris Wood chutou por cima do gol. 4 minutos depois, Dzhikya chutou do meio da rua, e a bola quicou no meio do percurso, e Marinovic defendeu com dificuldade. 

Logo depois, saiu o gol da Rússia: o lateral Colvey saiu jogando errado, e a bola ficou com Erokhin, que deu um passe forte para Poloz no alto. Mesmo assim. o camisa 7 conseguiu dar um belo passe para Glushakov, que deu um toque por cima de Marinovic; Boxall tentou tirar a bola junto com Smith, mas não conseguiu e entrou com bola e tudo, dando a Fifa a entender que o gol foi contra. O jogo iria ao intervalo com o placar mínimo. 


Smolov comemorando seu gol. (Foto: Reuters)


SEGUNDO TEMPO

A etapa complementar continuou a mesma coisa: Rússia tendo boas ações, pressionando muito a Nova Zelândia. Logo aos 2 minutos, o goleiro Marinovic fez uma fantástica defesa dupla, após cabeçada de Poloz e no chute de Erokhin, no rebote. 

Com a substituição feita por Stanislav Cherchesov, tirando Poloz e colocando Bukharov, o time ganhou mais poder de fogo. Aos 23 minutos, saiu o segundo gol da Rússia: Smolov, no contra-ataque, recebeu sozinho no meio, levou até a entrada da área, e tocou para Samedov, que  cruzou na linha de fundo, Boxall não consegue cortar e o atacante do Krasnodar empurra para o gol, aumentado o placar no estádio Krestovsky.

Aos 31 minutos, talvez, o melhor momento da Nova Zelândia, que não tinha chegado tanto: o meio campista Thomas pegou uma bola na entrada da área e meteu a bomba, obrigando Akinfeev a fazer uma bela defesa. No escanteio, Smith cabeceou, e Zhirkov tirou encima da linha, evitando o gol dos neozelandeses.


Desse jeito, acabou 2x0 para a Rússia contra a Nova Zelândia, na estréia da Copa das Confederações, se impondo e colocando pressão para cima dos neozelandeses, que não conseguiram mostrar um bom futebol. A Rússia, até aqui, lidera o Grupo, que ainda conta com México e Portugal, que jogarão na próxima segunda. 


Por: Guilherme Pacheco/ @PachGuilherme

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.