Header Ads

Mundial Sub-20 Feminino dia #3: O alívio brasileiro

No terceiro dia de jogos do Mundial feminino, destacamos o jogo brasileiro e o alívio das meninas com a possibilidade de uma classificação na última fase.
  • Brasil 1x1 Inglaterra
Depois de uma amarga derrota no domingo (05), o Brasil entrou em campo para enfrentar a seleção inglesa, que havia vencido em sua estreia, pensando somente na vitória, para encaminhar sua classificação. Porém, com 10’ de jogo, um erro de Tainara quase colocou o sonho da próxima fase em risco. Depois de ter sido avisada pela juíza, a zagueira continuou a segurar Peplow na área e fez o pênalti. Stanway cobrou e fez 1x0 para a Inglaterra.

O gol abalou a equipe canarinho, mas logo as meninas conseguiram se recuperar, buscando o empate. Se sentindo pressionadas, as inglesas apostaram numa forte marcação, tentando antecipar as jogadas de bola longa em que o Brasil apostou. Quando as brasileiras furavam esta marcação, pecavam na finalização, resultando num festival de gols perdidos.
(Foto: FIFA/Getty Images)
Na etapa final quase tudo foi por água abaixo. Aos 20’ a Inglaterra chegou ao seu segundo gol com Patten, porém juíza assinalou impedimento e fez o torcedor brasileiro respirar aliviado sonhando com empate. As tentativas de deixar o placar em 1x1 continuavam, de todos os lados e de todos os jeitos, mas parecia que a bola novamente não entraria no fim. Até que aos 47’ tudo mudou. Kerolin tentou jogada, recebeu o corte e a bola sobrou para Ariadina marcar o gol do empate. 

O gol de Ariadina foi comemorado com alívio e como uma vitória, não só porque a insistência finalmente deu resultados, mas também porque este empate e a derrota mexicana mais tarde, acabaram aumentando as chances brasileiras de classificação. Agora a conta é um pouco mais simples: vencer a Coreia neste domingo, às 8h30 e torcer para a Inglaterra (melhor cenário), caso as meninas ganhem e o México vença, o critério será o saldo, portanto dois 2x0 podem classificar o Brasil, caso o jogo entre mexicanas e inglesas seja empate, um 2x0 nos classificaria.
  • Holanda 4x0 Gana
A vitória sobre as neozelandesas na estreia deixou a Holanda embalada para pegar as ganesas, que vinham de uma derrota acachapante para as anfitriãs. Como esperado, Gana não ofereceu risco a vitória holandesa e com 21’, sofreu o primeiro gol da goleada. Nouwen recebeu de Weerden e marcou o gol holandês. Sete minutos depois, Fenna Kalma ampliou com assistência de Pelova. Kalma estava inspirada e após 4 minutos, marcou novamente. No segundo tempo, as holandesas seguraram o placar e somente aos 35’ marcaram o último, com assistência de Fenna Kalma e gol de Pelova.
  • Coreia do Norte 2x1 México
(Foto: Getty Images)

Depois do último jogo da norte-coreanas, os palpiteiros cravavam a vitória mexicana nesta partida, mas o inesperado aconteceu. No primeiro momento, até parecia que o México levaria a melhor, quando Jacqueline Ovalle abriu o placar aos 12’. Porém apenas dois minutos após o gol, Choe Kun Ok empatou com assistência de Kuk-Hyang An. Depois disso o jogo foi ficou morno e somente no final da segunda etapa, aos 40’, a Coreia do Norte virou o jogo, com Kim Kyong Yong, dando grande esperança para as brasileiras. 
  • França 0x0 Nova Zelândia
Indo na contramão do que todos acreditavam, as donas da casa não conseguiram sair da partida com vitória e empataram em 0x0 com a Nova Zelândia.

Próximos jogos: Amanhã (9), às 8h30, China e Alemanha abrem o dia de jogos. Às 11h30, Haiti e Nigéria se enfrentam no mesmo horário que Espanha e Japão. Estados Unidos e Paraguai fecham o dia de jogos às 14h30.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.