Header Ads

100% Atleticano

Saudações Rubro Negras!

O Atlético manteve sua regularidade e venceu o terceiro jogo em três rodadas, pelo mesmo placar dos outros jogos. O Dragão contou com o gol de Luiz Fernando para bater o Ceará, em Fortaleza, pelo placar mínimo, em um jogo que torcedor cardíaco com certeza ligou para seu médico após os 90 minutos.

Luiz Fernando marcou seu terceiro gol no ano
No primeiro tempo, o Ceará começou fazendo uma pressão característica de quando o Vozão joga em casa, perdendo boa chance logo aos 4 minutos com Felipe, desviando cruzamento e obrigando Kléver a fazer uma boa defesa. O Atlético conseguiu uma resposta rápida com Michel, que tabelou com Matheus e chutou por cima do gol de Éverson, essa chance fez com que o Atlético acordasse na partida e chegasse mais duas vezes com Viçosa e Gilsinho com jogada aérea e por contra ataque, respectivamente. Acuado, o Ceará precisava de uma resposta que veio com uma bola na trave de Felipe e um chute de longa distância de Marino, que tentava fazer valer a lei do ex, sem sucesso.

A segunda metade começou com duas mudanças no Atlético, Gilsinho saiu para entrada de William Schuster e o goleiro Kléver, lesionado, deu lugar a Marcos, essas alterações definiriam a partida.

Marcos começou trabalhando logo cedo em falha de Marllon, interceptando um cruzamento perigoso de Thallyson. Júnior Viçosa teve uma chance de ouro aos 15 minutos, onde avançou livre da intermediária até chegar a grande área quando finalizou e o goleiro Éverson, que fechou muito bem o ângulo, defendeu. O Vozão chegou por mais três oportunidades, aos 22, 30 e 34 minutos, com jogadas de linha de fundo, mas o Atlético não estava morto.

Igualmente contra o Brasil de Pelotas, aos 37 minutos do segundo tempo aconteceu o gol da vitória. William Schuster, que veio do banco no intervalo, costurou a zaga alvinegra, tabelou com Viçosa e deu um passe de mestre para Luiz Fernando, que invadiu a área e bateu cruzado na saída de Éverson. Luiz Fernando ao comemorar levantou a camisa e levou o segundo amarelo, sendo expulso.

Marcos foi eleito o melhor em campo
O Vozão se lançou ao ataque e teve diversas chances para conseguir o empate. Porém Marcos se mostrou pronto para assumir o posto de arqueiro Rubro Negro quando necessário e fez torcedores do Ceará sonharem com suas defesas. Em uma das oportunidades a bola chegou a passar por ele, mas Romário estava no lugar certo e na hora certa e tirou a bola em cima da linha.

O Atlético é vice-líder da Série B, é um dos dois clubes 100% no Campeonato Brasileiro das séries A e B, junto do Vasco. Também tem a melhor defesa da competição com a equipe carioca, com nenhum gol sofrido, marca atleticana neste ano, visto que foi a melhor defesa do estadual.

O Dragão volta a campo no clássico contra o Vila Nova, sábado às 16 horas no estádio Serra Dourada. Nos últimos 26 jogos o Atlético leva ampla vantagem contra o Tigre, foram 16 vitórias contra sete empates e apenas três derrotas, uma delas no ultimo confronto.

FICHA TÉCNICA:
Ceará 0 x 1 Atlético

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 24/05/2016
Hora: 19h15
Árbitro: Philip Georg Bennett
Assistentes: Silbert Faria e João Luiz Coelho
Cartões amarelos: Felipe (Ceará); Pedro Bambu, Luiz Fernando e Eduardo (Atlético)
Cartão vermelho: Luiz Fernando (Atlético)
Gol: Luiz Fernando (ACG) aos 37’ 2T (0-1)

CEARÁ: Éverson; Tiago Cametá, Antônio Carlos, Sandro e Thallyson (Eduardo); Marino, Richardson, Serginho (Assisinho) e Felipe; Tomas Bastos (Alex Amado) e Rafael Costa. Técnico: Sérgio Soares

ATLÉTICO: Kléver (Marcos); Matheus Ribeiro, Lino, Marllon e Romário; Michel, Pedro Bambu, Magno Cruz (Eduardo) e Luiz Fernando; Gilsinho (William Schuster) e Júnior Viçosa. Técnico: Marcelo Cabo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.