Header Ads

Arbitragem tira a primeira vitória do Furacão

Técnico do Atlético-PR é expulso ainda no primeiro tempo. (foto: Paraná Online)
Em partida marcada por erros da arbitragem, Furacão sai na frente, se defende bem, mas acaba sendo prejudicado no fim e vê xará mineiro arrancar empate dentro da Arena da Baixada.

O resultado de igualdade entre as duas equipes tenha sido justo, pois o galo mineiro mesmo desfalcado tem um time muito qualificado e dominou grande parte da partida. Entretanto, a torcida rubro-negra saiu muito chateada pelo modo que foi conduzida a partida pelo Sr. Flávio Rodrigues Guerra, que inverteu grande parte das faltas e assinalou uma penalidade no mínimo questionável a favor do Atlético-MG (um lance idêntico do outro lado não foi marcado).

O jogo

Com a bola rolando, o jogo começou eletrizante e logo no primeiro minuto os mineiros tiveram a oportunidade de abrir o marcador, quando seus atacantes ganharam na corrida da defesa paranaense, mas esbararam na boa defesa de Weverton. Após o susto, os donos da casa equilibraram as ações da partida e aos 9', Ewandro faz boa jogada pela esquerda e cruza para André Lima abrir o placar.

Atrás no marcador, o Galo mineiro dominava o meio campo com toques envolventes e criava mais, porém, não conseguia levar muito perigo ao gol de Weverton. Após uma série de lances investidos, Paulo Autuori perdeu a cabeça com a arbitragem e foi expulso de campo (sim, Paulo Autuori, que sempre é um cara tranquilo, perdeu a cabeça).

Na volta do segundo tempo, o time do Atlético-PR continuou se defendendo bem e, com a entrada de Walter no lugar de André Lima, passou a segurar um pouco mais a bola no ataque. Já pelo lado dos mineiros, a entrada de Dátolo fez com que o time perdesse um pouco do domínio que vinha tendo.

Aos 30 minutos da etapa final, quando o Galo já demonstrava um certo cansaço, foi a vez do Sr. Flávio Rodrigues Guerra entrar mais um vez em cena e anotar uma penalidade ao Atlético-MG, que foi convertida por Cazares. A partida ainda teve um gol de Thiago Heleno anulado e a não marcação de uma penalidade a favor do Furacão. Ao som de palmas irônicas que vinham as arquibancadas, a partida terminou com o empate de 1x1.

O Furacão segue em busca da primeira vitória no Campeonato Brasileiro e o próximo compromisso agora é na quarta-feira, às 19h30, contra o Botafogo. A partida acontecerá em Juiz de Fora e também marcará a primeira vez que a cidade recebe o time rubro-negro em partidas do Brasileirão.


SRN

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.