Header Ads

Falhou o plano, Raphael Luz ilumina e o Luverdense perde na Curuzu

Ontem (28) o Luverdense vacilou no Pará e acabou perdendo para o Paysandu.

(FOTO: Fernando Torres/Paysandu) 
Junior Rocha foi ao Pará com o esquema tramado, defender-se e tentar algo na bola aérea, no início até deu certo a técnica da defesa, por que aos treze minutos, Jean Patrick acertou um balaço de fora, golaço! 1 a 0 Luver. A intensidade do bicolor continuou a mesma após o gol, o Paysandu fazia a blitz no alviverde, o jogo tático até aí era muito interessante, um verdadeiro ataque contra defesa, sem falar dos gols anulados para o Paysandu.

Este embate tático continuou, o Luverdense apostava nos contra-ataques tramados por Régis e Raul Prata e praticamente não usava o centro de campo. Os jogadores de lado de campo do papão tinham dificuldade de segurar os laterais e os pontas do alviverde. O verdão também contava com a aproximação de seus meias Ricardo e Jean Patrick.

(FOTO: Fernando Torres/Paysandu)
Na volta do intervalo Junior Rocha, propôs aos seus atletas algo mais ousado, contra-ataques mais rápidos e fulminantes, o problema veio no cruzamento de Gualberto para Lucas que desviou para os fundos, empate para o Luverdense ainda era um bom resultado. Parecia que Régis e Prata tinham levado muito a sério o papel ofensivo que lhes foi designado, o Luver ficou com buracos na defesa e algumas dificuldades na marcação porque Muralha e Jean Patrick tiveram que os cobrir em diversas situações.

Nas situações finais da partida, aos quarenta e dois minutos, no apagar das luzes, Raphael Luz, desafogou o Paysandu e virou para o mandante, vitória essa que tira o Paysandu da vice-lanterna e o coloca na décima terceira colocação, já o Luver vai da quinta para a décima posição.

Melhores momentos:


Na próxima rodada o Luverdense enfrentará no Passo da Emas o Atlético Goianiense, que está na zona de acesso para a primeira divisão.

Destaques da partida: Os destaques positivos da noite foram: o goleiro Gabriel Leite, muitas defesas difíceis que evitaram uma derrota mais plástica e também Jean Patrick, o autor do gol, que foi muito importante para o posicionamento tático da equipe de Junior Rocha, onde cobriu a lateral direita e ainda buscava o ataque. Os destaques negativos da noite ficaram por conta dos laterais, Régis e Raul Prata, se precipitaram na segunda etapa e atrapalharam o esquema de jogo e ajudaram na derrota do time.

Ficha técnica:

Paysandu: Emerson; Roniery, Pablo, Gualberto e João Lucas (Raí); Augusto Recife, Lucas, Rafael Costa (Raphael Luz) e Celsinho; Fabinho Alves e Alexandro (Wanderson).

Luverdense: Gabriel Leite; Raul Prata, Luiz Otávio, Everton e Régis; Muralha, Ricardo (Da Mata), Jean Patrick, Hugo e Douglas Baggio (Erik); Alfredo (Sérgio Mota).

Estádio: Curuzu, Belém (PA)
Hora: 21h
Árbitro: Renan Roberto de Souza
Auxiliares: Kildenn Tadeu Morais de Lucena e Marcio Freire Lopes

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Boa matéria, e boa sorte para o Luverdense nesta caminhada na série B. Pelo futebol que ambos mostraram ontem, acredito que ficarão na parte de cima da tabela(Pelo menos entre os 10). Como sou Paysandu, lógico que quero o acesso, ano passado batemos na trave, vamos ver o que esse ano nos aguarda.

    Saudações Bicolores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O ano passado foi bom pra vcs, esse ano vai ser mas dificil pros dois, o Luver vem mais forte e a B tá mais competitiva, obrigado pelo elogio que bom que gostou, abraços

      Excluir

Tecnologia do Blogger.