Header Ads

Coritiba empata em casa

Nery Bareiro autor do gol Alviverde
(Coritiba/Divulgação)
Na fria noite Curitibana desta quinta-feira (23), o Coritiba recebeu a equipe do Internacional no Estádio Couto Pereira, em partida válida pela 10ª rodada do Brasileirão. O jogo terminou com a igualdade no placar, o gol Alviverde foi marcado pelo paraguaio Nery Bareiro, que fez a sua estreia perante a torcida Coxa-branca.

Inter sai na frente no placar

Buscando encontrar a melhor forma do time jogar, Pachequinho mandou a campo uma escalação bastante modificada na defesa. A equipe Alviverde iniciou a partida com Walisson Maia, Nery, Luccas Claro e Carlinhos atrás. Com isso, Dodô foi deslocado ao setor ofensivo pelo lado direito.

A primeira boa chance de gol foi coxa-branca. Aos 7 minutos, Juan cobrou escanteio do lado direito, o paraguaio Nery tocou de cabeça e a bola foi embora pela linha de fundo. Aos 19’, o Coxa chegou novamente ao setor de ataque. Felipe Amorim rolou para Juan, o camisa 55 bateu e a bola passou muito perto. Quatro minutos mais tarde, foi a vez do Internacional responder quando Ernando cabeceou de dentro da área e Wilson fez grande defesa.

O Coritiba chegou novamente ao ataque aos 27 minutos, Juan descolou cruzamento da lateral, Kléber Gladiador ganhou a disputa aérea com os zagueiros e mandou com muito perigo. A equipe Alviverde se mostrava melhor em campo e tinha mais oportunidades, porém não estava as aproveitando. E aos 33', o Inter chegou ao seu gol. Após cobrança lateral na área coxa-branca, Ernando fez o desvio no primeiro pau, a zaga não fez o corte e Anderson desviou de cabeça, mandando para o fundo da rede.

Novamente em outra partida em casa o Coritiba leva um gol em cobrança de lateral, algo que é inadmissível, um erro que muito provavelmente nem o Juvenil comete. O Coxa tentou pressionar no restante do primeiro tempo, principalmente pelos lados do campo com Dodô pela direita e Felipe Amorim pela esquerda. Porém, a primeira etapa acabou mesmo 1 a 0 Internacional.

Nery Bareiro marca o primeiro com a camisa coxa-branca

Para o segundo tempo, o Coritiba voltou modificado. Pachequinho sacou Walisson Maia e colocou em campo Iago, jovem recém-contratado pela equipe do Verdão, fazendo inclusive sua estreia pelo Coritiba.

Mesmo com a alteração ofensiva do Coxa, foi o Internacional que criou a primeira chance de gol da segunda etapa. Aos 3 minutos, após cruzamento do lado esquerdo, Sasha tocou de cabeça e Wilson fez um verdadeiro milagre. Aos 23’, o atacante Leandro, que havia acabado de entrar no jogo na vaga de Felipe Amorim, fez boa jogada pelo lado esquerdo e rolou para trás, Kleber se esticou e bateu, mas Danilo Fernandes fez grande defesa e salvou o time visitante.

O empate Alviverde veio no lance seguinte. Aos 24 minutos, na cobrança de escanteio realizada por Juan, a bola sobrou para o zagueiro Nery na pequena área, o paraguaio não teve dúvidas e mandou para o fundo da rede da equipe colorada. Ainda nos minutos finais da partida o Coxa foi para cima e, empurrado pela torcida, a equipe do Verdão fez muita pressão.

O autor do gol do Coritiba acabou levando o segundo cartão amarelo e o vermelho, por consequência. Aos 50 minutos, Kleber ainda arriscou o chute, mas o árbitro assinalou o impedimento de maneira duvidosa. A partida terminou mesmo com o empate.

O próximo compromisso coxa-branca será domingo (26) no Orlando Scarpelli contra a equipe do Figueirense.
Mercado da Bola
Além de Iago, que já fez sua estreia com a camisa coxa-branca, e Kâzım-Richards, que aguarda seu nome ser publicado no BID, o Coritiba está para confirmar as contratações dos meias Danilinho (ex-Atlético-MG) e Bernardo (ex-Vasco), este último podendo ser confirmado ainda hoje.

Fora de campo, o Coritiba também vem se movimentando. Desde as demissões de Gilson Kleina e Valdir Barbosa, Pachequinho assumiu como o comando técnico da equipe como interino, enquanto Maurício Andrade vem fazendo dupla função no departamento de futebol Alviverde. Sempre foi deixado bem claro que a prioridade era a contratação de um diretor de futebol, visto que foi prometido que Pachequinho fica no comando da equipe até o final do primeiro turno.

Ainda não foi confirmado, mas Milton Cruz de início vem para ser o novo diretor do Coxa, isto porque foi oferecido a ele tanto o cargo de diretor de futebol, quanto o de treinador, dependendo apenas dele para decidir qual função irá realizar dentro do Coritiba. 
Reage Coxa!
Texto feito por:
@_Andreysuldovski

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.