Header Ads

Frustração, mas ainda na luta

Um jogo que talvez seja lembrado nas próximas rodadas por ser o jogo que mostrou aos Alagoanos que o CRB tem time e pode sim brigar pelo acesso, certo que houve o gol do adversário em último momento, mas a forma no qual foi construído o gol do Galo, e a torcida incentivando na arquibancada, fez com que fosse ligado o sinal de "Vamos subir, Galo!".

GloboEsporte/AL
Um começo de jogo com toda a certeza, o Regatas procurando marcar o gol e se livrar de qualquer pressão do Paraná, era marcar e atacar de forma mais equilibrada evitando contra-ataques. Algumas chances foram criadas ao longo do primeiro tempo, Lúcio Maranhão e Luidy sempre fundamentais no setor ofensivo no termo "finalizar". Galdezani mostrando sua boa fase auxiliava o time ao ataque, tentando colocar a bola frente ao gol e buscar o passe.

No segundo tempo, houve alterações fundamentais para que o jogo pegasse "fogo", Assisinho fez sua estreia nesta noite, e com ele, entrou o já estreante Éder, o meia e o ponta protagonizaram jogadas pelas laterais, sempre buscando os jogadores mais rápidos e o passe para Lucio Maranhão.

Aos 32' Robson foi derrubado na área pelo lado direito por Adalberto e o árbitro marcou pênalti. Robson bateu no canto esquerdo, a bola bateu na trave, quase entrou e o goleiro fez a defesa. Após o desperdício do tricolor paranaense, a emoção regateana teve seu limite excedido em uma falta pro CRB perto da área, Éder jogou dentro do terreno inimigo para Boaventura marcar, a felicidade regateana era algo sensacional aos 33', CRB 1 a 0.

O fim estava próximo, e o sorriso era evidente, mas como jogava com um a menos, e este que saiu era um zagueiro, o Paraná foi pra cima, e aos 44' Diego Tavares fez boa jogada pela direita, cruzou, Juliano deu o rebote, Flávio Boaventura não conseguiu afastar e, na sobra, Robson chutou para a rede, deixando tudo igual no Rei Pelé.

O Galo estava em 2° lugar com a vitória, e com o empate, caiu pra 4°. Agora o Regatas se preparam para enfrentar o Vasco no próximo sábado também em Maceió.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.