Header Ads

Oeste perde mais uma jogando um futebol triste

No Castelão, Oeste sofre a segunda derrota seguida, desta vez diante o Ceará

Foto: Blog: O Vozão
Pela segunda partida consecutiva o Oeste apresentou um futebol muito abaixo do esperado. O que vimos contra o Ceará foi um time totalmente sem garra, raça, parecia que estavam jogando por jogar. Foi um primeiro tempo em que a equipe teve chance de estar na frente do marcador, porém conseguiu desperdiçar um pênalti com o sumido em campo Léo Arthur, que chutou fraco e facilitou a defesa tranquila do goleiro do Ceará. Será que não treinam penalidades? Para chutar dessa forma acho que não.

No segundo tempo não foi muito diferente. O Ceará mandou na partida toda e teve inúmeras chances de gols, diferentemente do Oeste, que mal atacou. A magia do tiki-taka parece que foi perdida, porque do adianta ficar dando aqueles passes curtos no meio de campo se não resultarem em gol? Quer trabalhar com a bola no chão tudo bem, é uma filosofia do Diniz, mas seja mais objetivo, seja mais ofensivo, porque se não de nada adianta. Do que adianta ter mais posse de bola se sair atrás do placar?

Foi mais um resultado justo, em que o Oeste joga mal. O que achei um absurdo e que muitos acharam legal foi essa loucura que o goleiro fez de aplicar um chapéu no atacante adversário. Isso é um teste para cardíaco, não se deve fazer isso nunca. E se aquilo dá errado e o time acaba tomando mais um gol, como é que ficaria? A sorte dele é que deu certo. Outra coisa que achei errado foi a equipe, faltando 5 minutos para acabar o jogo, ficando tocando bola no meio de campo em vez de correr para o ataque e arriscar um chute que resultasse em gol, já que o placar só era de um gol de diferença. Infelizmente não foi isso que fizeram.

O que antes era um ponto forte do Oeste na marcação, agora não é mais o mesmo. O rubro-negro vem tomando gols em praticamente todos os jogos e na maioria das vezes é por falha na marcação, falta de atenção e isso não pode acontecer. É o terceiro jogo seguido, pelas minhas contas, que o time sai atrás do placar e depois tem que correr atrás do prejuízo. Acredito que é preciso de reforçar mais a zaga e ser um time com mais raça, mais objetivo de buscar a vitória, não só ficar tocando a bola. 

Alguns jogadores da equipe rubro-negra andam muito apagados em campo e não estão jogando da mesma forma que estavam há cinco, seis rodadas atrás. Não estou aqui apenas pra criticar o time, estou apenas falando a verdade, coisa que todo torcedor deve fazer, apoiar sempre, ainda acredito no Oeste, apenas estou fazendo críticas que nesse momento são necessárias pelo bem do clube. A gente ama esse time e não quer ver um 2016 tão difícil como foi esses anos, já foi triste no primeiro semestre quando a equipe rebaixada a segunda divisão e foi, segundo a diretoria, provisoriamente pra Osasco com essa parceria com essa parceria com Osasco/Audax.

Ainda é cedo para se pensar em rebaixamento, mas o quando antes se afastar dessa zona de perigo é melhor. E ainda dá para se recuperar antes que seja seja tarde, a próxima partida será contra o Sampaio Corrêa nesse sábado, às 21h, na Arena Barueri. Essa é a hora de fazer o dever de casa contra uma equipe que vem se recuperando no campeonato e não pode vacilar. 

Césare Boralli || @cesareboralli
Linha de Fundo || @SiteLF

VAMOS OESTE! 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.