Header Ads

Chega de pé no chão, quero bola no pé

Chegou o momento, a direção precisa tomar a decisão. Eles precisam definir se querem ver o Inter brigando por títulos ou querem seguir com Argel. Os dois juntos é impossível. Argel já tem prazo de validade vencido com a torcida. É inaceitável ficar empurrando um treinador desse porte para o próximo jogo. O Internacional precisa encarar as decisões erradas e resolver arrumar as coisas, pois sozinho isso não vai acontecer. 

Todo torcedor que entende de futebol sabe que trocar de treinador no meio do campeonato é a prova de que o time não tem capacidade de ganhar algo, pois uma boa gestão é feita na PRÉ-TEMPORADA e não se fazem mudanças com o carro andando. Cada vez fica mais claro que Argel foi mantido em 2016 pelos números de 2015 e não pela qualidade do futebol. Os números da planilha eram positivos, mas o futebol mostrava que daquele jeito nunca se ganharia um título.

Foto: Deive Pazos
Quem lê aqui sabe que eu era adepto a acreditar que Argel teria algo para acrescentar no Colorado, mas o Inter de Aguirre era MUITO melhor do que o atual. É triste ver derrotas em casa e não enxergar uma luz no fim do túnel, é complicado saber que, em cinco jogos, somente um ponto foi conquistado em 15 disputados, sendo duas derrotas dentro do Beira Rio.

Estou de saco cheio de saber que tenho que aguentar essa direção, que sempre acha que está certa e que ninguém mais entende nada de futebol, que elege como símbolo de sua um jogador como Anderson. Já disse que ele deve ser apoiado, mas não pode ser o HOMEM do Internacional. Não acredito mais na construção de um elenco, chegamos em JULHO com um time que só apresenta pulmão, porque de resto está em cacos. A equipe não tem proposta nas quatro linhas, tem um treinador de quinta que tem coragem de dizer que vai passar o TRA-TOR no coirmão. PELO AMOR DE DEUS!

Eu tenho saudade sim dos tempos de jogadores provocadores, mas até por que os caras que mais provocavam eram os que mais faziam dentro de campo. Única coisa que peço para o time, o treinador e a direção: não humilhem a camisa do meu amor. E a você, torcedor, abra o olho, pois no final do ano tem votação. Lembre-se que precisamos de mudanças, precisamos uma gestão com desejo de vitorias e não que viva lembrando dos feitos do passado.

ISSO É O INTER, PONHAM MAIS RAÇA, POIS SÓ ASSIM SEREMOS CAMPEÕES

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.