Header Ads

Fogão vence o Palmeiras e deixa a zona de rebaixamento

Botafogo e Palmeiras enfrentaram-se na noite deste domingo (31), em jogo válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. Tentando fugir da zona de rebaixamento, o Glorioso surpreendeu e venceu o Palmeiras por 3 a 1. Com a vitória, o Alvinegro, agora com 20 pontos, subiu para a 14ª posição e deixou o grupo dos quatro últimos. O Botafogo volta a jogar já na próxima quinta-feira (4), às 19h15, fora de casa, diante da Ponte Preta. 


Botafogo venceu e subiu na tabela (Foto: Vitor Silva/ SS Press/ Botafogo)

O JOGO


O Botafogo começou com tudo e fez um primeiro tempo excelente, tanto que, no minuto inicial do jogo, o Alvinegro teve a chance de abrir o placar. Camilo tocou para Canales, que dentro da área passou por Thiago Santos, de bico, finalizar, a bola passou perto do gol. Era do Glorioso a posse de bola. Após muitas trocas de passe, o gol saiu quando Camilo recuperou a bola e tocou para Rodrigo Lindoso, que fez um lançamento espetacular para Neilton. O atacante ganhou disputa com Zé Roberto e bateu cruzado para abrir o placar na Arena. Botafogo 1 a 0. 

Aos 24 minutos, o Glorioso seguiu pressionando. Diogo Barbosa viu Camilo na área e tocou para o meia, que foi desarmado. Aos 26', o Palmeiras assustou pela primeira vez com Zé Roberto, que cruzou e Thiago Santos, de cabeça, marcou. A arbitragem, no entanto, marcou de forma correta o impedimento. Aos 34 minutos, Neilton avançou pela esquerda, driblou de uma só vez Jean e Edu Dracena e tocou na saída do goleiro Vagner para ampliar o placar. Golaço na Arena Botafogo. 

Neilton fez dois gols no jogo (Foto: Vitor Silva/ SS Press/ Botafogo)
O Palmeiras poderia ter diminuído com Erik, aos 40 minutos. O atacante chutou forte e Sidão fez boa defesa. No minuto seguinte, Leandro Pereira recebeu na direita e tentou surpreender o goleiro alvinegro, que com o pé evitou o gol. Aos 44', Roger Guedes arriscou de fora da área e Sidão espalmou, defesaça do goleiro botafoguense. Não houve tempo para mais nada, já que, aos 49', o primeiro tempo chegou ao fim. 

O Glorioso retornou com o mesmo time que encerrou a etapa inicial, porém, apostando no contra-ataque. O Palmeiras aproveitou que o Botafogo diminuiu a intensidade e foi em busca do gol. Aos 4 minutos, Zé Roberto cruzou e Erik, de cabeça, acertou o travessão. Aos 16', Ricardo Gomes foi a obrigado a fazer a primeira alteração no Glorioso. já que Rodrigo Lindoso sentiu e foi substituído por Dudu Cearense. Aos 20 minutos, Dudu chutou de longe e Sidão defendeu tranquilamente. Aos 28', Canales deu lugar ao jovem Vinícius Tanque. Após tanto pressionar, o Palmeiras conseguiu diminuir. Moisés chutou de fora da área e Sidão deu rebote, na sequência, Erik completou de primeira para estufar a rede. 2 a 1.

Aos 36 minutos, Camilo teve a chance de matar a partida. O meia apareceu entre os adversários e, com o pé esquerdo, finalizou, mas Vagner cresceu e salvou o Palmeiras. Aos 40 minutos, Vinícius Tanque sofreu pênalti após ser derrubado pelo goleiro palmeirense. Camilo bateu rasteiro no canto esquerdo e fez o terceiro do Alvinegro. Aos 47', Salgueiro entrou no jogo ao substituir Camilo e foi só. 3 a 1 para o Botafogo. Vitória maiúscula. 

OBSERVAÇÕES

É bom ter um lugar para chamar de seu. No caso, me refiro ao Luso Brasileiro, hoje chamado de Arena Botafogo, a casa do Alvinegro nessa temporada. Com o apoio da torcida, os bons resultados aparecem. Pouco mais de 8 mil torcedores compareceram à Arena, pressionaram o adversário e ajudaram o Glorioso a sair com a vitória. 

Neilton acabou com o Palmeiras hoje. Fez dois belos gols. No primeiro contou com lançamento espetacular de Rodrigo Lindoso. Já no segundo, construiu bela jogada individual e driblou dois em um único lance para marcar. É o artilheiro do time na temporada. 

Airton controla o meio-campo do Botafogo. É titular incontestável. Não à toa tem seu nome gritado pela torcida nos últimos jogos. 

O que preocupa é a preparação física do clube. Joel Carli, Pimpão, Sassá e Emerson Silva, todos estão entregues ao departamento médico. Rodrigo Lindoso passa a ser outra preocupação, pois saiu do jogo com suspeita de lesão. Ricardo Gomes fica com menos opções à disposição. Difícil...

Reprodução/ Twitter
FICHA DO JOGO
Botafogo 3
Sidão, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Emerson Santos, Diogo Barbosa; Rodrigo Lindoso (Dudu Cearense), Airton, Bruno Silva, Camilo (Salgueiro); Neilton, Canales (Vinícius Tanque). Técnico: Ricardo Gomes. 

Palmeiras 1 
Vagner, Jean, Edu Dracena (Thiago Martins), Vitor Hugo, Zé Roberto; Thiago Santos, Moisés, Cleiton Xavier (Rafael Marques); Roger Guedes (Dudu), Erik, Leandro Pereira. Técnico: Cuca. 

Estádio: Arena Botafogo (RJ). 
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC). 
Assistentes: Kleber Lúcio Gil (SC) e Carlos Berkenbrock (SC). 
Gols: Neilton (18' do 1º T), (34' do 1º T), Erik (32' do 2º T), Camilo (41' do 2º T). 
Cartões amarelos: Canales, Airton, Bruno Silva e Diogo Barbosa (Botafogo); Edu Dracena, Jean e Vitor Hugo (Palmeiras)
Público: 8.477. 
Renda: R$ 254.040,00. 

Por: Gabriel De Luca (@biel_dluca). 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.