Header Ads

Buscando respeito

No último sábado (20) Goiás e Tupi se enfrentaram na abertura do segundo turno da Série B. Em um jogo travado, o esmeraldino bateu o galo de juiz de fora no apagar das luzes do Serra Dourada e respira um pouco mais aliviado na Série B, os três pontos serviram como motivação para o Goiás, que se encontra na busca para recuperar sua dignidade construída por campanhas vitoriosas no passado. Saímos de campo com a vitória, mas carregamos também uma enorme lista de erros que precisam ser reparados urgentemente.


O time entrou em campo pressionado, já que devido aos resultados da rodada, uma vitória nos tiraria da zona de rebaixamento. Logo aos 3 minutos de jogo, o Tupi teve uma chance claríssima de gol que assustou a todos, a bola de Octávio não entrou por muito pouco, e partir desse instante o Goiás acordou na partida. Com Léo Lima e Daniel Carvalho armando o jogo a equipe alviverde dominou a posse de bola, mas não conseguia achar espaços para finalizar. Quando achávamos alguma brecha, o Goiás pecava em suas finalizações e desperdiçava diversos ataques.

Não é de hoje a insatisfação com o desperdício de oportunidades de Carlos Eduardo. Contra o Sampaio Corrêa na ultima rodada, o atacante teve duas vezes em seus pés a chance de garantir três pontos e uma vitória para a equipe esmeraldina. Porém, relembrando seus bons momentos no campeonato goiano, o atacante recebeu um passe na intermediária e partiu pra cima da marcação, driblando dois defensores e finalizando no meio das pernas do goleiro Rafael Santos, 1x0 Goiás e fim de papo no primeiro tempo.

Carlos abria o placar, e aliviava a pressão sobre o elenco esmeraldino. Foto: globoesporte.com

No segundo tempo, ocorreu a estreia do lateral direito Edinei (que entrou no lugar de Daniel Carvalho) e Léo Sena foi encarregado da armação ao lado de Léo Lima. Quando todos nós esperávamos uma postura mais ofensiva da equipe, o técnico Léo Conde recuou o time novamente para segurar o placar. O Tupi cresceu na partida, e teve um segundo tempo com mais volume de jogo, novamente a falta de coragem esmeraldina custou caro com o empate mineiro aos 40 do segundo tempo. Após um chute de Hiroshi, a bola desviou na defesa e liquidou Ivan: 1x1 e o desespero dominava as arquibancadas (novamente).

Partimos para o desespero, finalizamos varias vezes e contamos com a sorte quando Léo Lima cabeceou a bola cruzada por Cassiano para marcar o gol e garantir os três pontos para o Goiás. Finalmente o "azar" que perseguia a equipe nos últimos minutos de jogo foi cessado e saímos de campo com a vitória.

Léo Lima marcava aos 45 minutos do segundo tempo para garantir a vitória esmeraldina. Foto: globoesporte.com
Mesmo com a vitória, o Goiás tem uma série de detalhes que precisam ser concertados para termos um segundo turno melhor. Léo Conde falha ao recuar o time nos últimos momentos da partida, já que não temos defesa para segurar o placar e muitas das vezes que levamos o gol no final do jogo, estamos em melhor momento que o adversário. Outro defeito a ser notado é o ataque, com Walter ainda assinando contrato e Marcão machucado, os atacantes disponíveis desperdiçam diversas chances importantes ao nosso favor. Léo Gamalho irá estrear contra o Londrina e espero que novamente possamos contar com um homem de referencia na frente, afinal, precisamos recuperar nosso respeito nesse campeonato.

Linha de Fundo ll @SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.