Header Ads

Com um jogador a menos, Sampaio sofre gol no fim e perde para o Paraná

No Estádio Durival Britto, em Curitiba, o Sampaio Corrêa enfrentou o Paraná pela 22ª rodada da Série B. Era um jogo para tentar dar início a uma reabilitação. Os dois times precisavam da vitória, mas o tricolor maranhense necessitava ainda mais pela incômoda lanterna. O resultado para a Bolívia Querida acabou sendo negativo e a derrota por 1 x 0 foi inevitável.

Sampaio sofre gol no fim e soma mais uma derrota (Foto: Geraldo Bubniak/bemparana.com.br)


O primeiro tempo teve um nível técnico muito baixo, com o Paraná criando a primeira oportunidade de gol somente aos 21 minutos. Robson chutou de fora da área com muito perigo por cima do gol. Aos 29, quase o time paranaense abriu o placar. Diego Tavares cruzou da direita na pequena área para Fernando Caranga. O atacante se antecipou ao marcador e finalizou de primeira quase à queima roupa para a defesa de Rodrigo Ramos.

A Bolívia Querida só conseguiu a sua primeira chance aos 32 minutos. Elias encontrou espaço e arriscou de fora da área, mas a bola passou à direita do gol defendido por Marcos. Logo depois, Diego Tavares novamente tentou o cruzamento da direita, mas a bola acabou tomando a direção do gol e o arqueiro boliviano defendeu com segurança. O Sampaio só voltou a assustar no minuto final. Pimentinha chutou da entrada da área com muito perigo, mas não tomou a direção desejada.

O segundo tempo foi bem mais movimentado. Logo aos 8 minutos, Diego Tavares arriscou de longe e acertou um belo chute, mas Rodrigo Ramos espalmou para fora. Aos 10 minutos, ocorreu um lance determinante para o placar. Mais um erro da arbitragem, pelo quarto jogo consecutivo. Pimentinha recebeu passe na direita em posição legal e cruzou rasteiro para Enercino só completar para o gol. Mas o assistente assinalou erroneamente o impedimento do atacante boliviano, prejudicando o tricolor maranhense.

No momento do passe, o atacante boliviano estava em posição legal


Ao contrário do Sampaio, o Paraná também teve um gol anulado. Aos 17 minutos, Fernando Caranga recebeu cruzamento rasteiro da direita e finalizou na pequena área para o gol, mas estava em posição irregular. Gol anulado corretamente. Aos 34, mais um gol anulado do Sampaio, mas desta vez marcado corretamente. Éder cruzou, Marcos espalmou para frente e, na sobra, a bola tocou no braço esquerdo de Enercino, que dominou e empurrou para o gol. O árbitro viu bem o lance. Minutos depois, o Paraná partiu em contra-ataque e Lúcio Flávio finalizou na pequena área. A bola passou raspando a trave.

O Sampaio sofreu uma importante baixa aos 39 minutos. Luiz Otávio, após entrada dura em Diego Tavares, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Mesmo com a defesa vulnerável, o tricolor maranhense ainda se lançou ao ataque e foi o que ocasionou o resultado negativo. No minuto final do tempo regulamentar, Pimentinha perdeu a bola na área adversária e o Paraná saiu muito rápido em contra-ataque. Na entrada da área, Héverton escorregou ao tentar impedir o avanço de Lúcio Flávio e o centroavante invadiu a área, driblou o marcador e tocou no canto esquerdo de Rodrigo Ramos para garantir a vitória.

Após um primeiro tempo ruim, as duas equipes se empenharam mais na segunda etapa, mesmo com a falta de criatividade dos seus meias. O Paraná jogava com três atacantes, mas Cristian, sozinho, não conseguia municiar o ataque. O Sampaio jogou bem compactado no meio de campo, mas ofereceu muito espaço pelo flanco esquerdo, onde atuava o bom lateral Diego Tavares, que deu bastante trabalho para os marcadores, inclusive ocasionando a aplicação de alguns cartões aos seus adversários. Rayllan foi pouco efetivo ofensivamente e sempre voltava para ajudar na marcação. Do quarteto ofensivo, Enercino foi o mais participativo. Pimentinha teve poucas oportunidades para partir em velocidade. Elias, como sempre, mal posicionado entre os defensores, mas também recebeu apenas uma bola “limpa” para finalizar. Somando-se a fragilidade do time aos constantes erros da arbitragem contra o tricolor a dificuldade só tem aumentado nessa luta contra o rebaixamento.

O Sampaio Corrêa volta a campo no próximo sábado (03 de Setembro) para enfrentar o Náutico, no Estádio Castelão, em São Luís, às 21h.

FICHA DO JOGO:
PARANÁ 1 X 0 SAMPAIO CORRÊA

Local: Estádio Durival Britto, Curitiba (PR)
Data/Hora: 30 de Agosto de 2016, às 19h15
Paraná: Marcos; Diego Tavares, Alisson, João Paulo e Henrique Gelain; Leandro Silva, Claudevan (Lucas Otávio) e Cristian (Nadson); Guilherme Queiroz (Lúcio Flávio), Robson e Fernando Caranga.
Técnico: Marcelo Martelotte

Sampaio Corrêa: Rodrigo Ramos; Éder Sciola, Wágner Fogolari, Luiz Otávio e Héverton; Diogo Orlando, Tássio (Diego Lorenzi), Rayllan e Enercino (Guilherme Lucena); Pimentinha e Elias (Jean Carlos).
Técnico: Flávio Araújo

Gol: Lúcio Flávio, aos 45’ 2º T
Cartões: Alisson (Paraná); Tássio, Rayllan, Héverton e Luiz Otávio (cartão vermelho)
Árbitro: Cleisson Veloso Pereira (MG)

Marcos Fernandes || Twitter: @poetafernandes
Linha de Fundo || @SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.