Header Ads

Futebol igual, eficiência do adversário

E a liderança do Corinthians durou apenas uma rodada. Jogando diante do Atlético Paranaense, a equipe alvinegra perdeu de 2x0 em um dos típicos jogos do Timão. Cristóvão Borges adotou o mesmo estilo de jogo que o alvinegro vinha utilizando dentro de campo. A retranca prevaleceu e o oportunismo nas jogadas só era feitas em tentativas de contra-ataque.

Foto: Reprodução Corinthians 
O Furacão foi inteligente, soube aproveitar os espaços deixados pelo elenco alvinegro. O futebol do CAP não foi superior assim, o jogo foi definido por uma única coisa: UM CENTROAVANTE CAMISA 9 PIVÔ! Walter marcou os dois gols da partida, não criou nenhuma jogada, apenas estava lá para fazer o que um atacante tem o dever de fazer: GOL!
A deficiência do Corinthians em não ter um camisa 9 é gritante, isso vem fazendo falta nos jogos do alvinegro, que anda perdendo inúmeros gols que time que luta pra ser campeão não pode perder.

O atual 9 do Timão, é limitado, não esteve no jogo que contou com nomes diferentes das escalações comuns que são vistas pelo treinador. Talvez se Marquinhos Gabriel não tivesse se machucado no início de jogo e substituído aos 27’ do primeiro tempo, o decorrer poderia ter sido outro da peleja.

A liderança foi perdida após a derrota do Timão que vinha de sete jogos sem perder, mas é algo que iremos recuperar novamente, não por mérito nosso, e sim por erros dos adversários que também possuem elencos limitados. Segunda-feira a batalha será diante do Cruzeiro.

Isabela Macedo || @ismacedo_
Linha de Fundo || @SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.