Header Ads

Apático, Botafogo perde para o lanterna América

Sidão assiste comemoração do lanterna (Foto: Dudu Macedo/Fotoarena/Lancepress!)
Na noite deste sábado (24), o Botafogo encarou o América-MG em jogo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em um duelo marcado por apagão no estádio, o Glorioso, extremamente apático em campo, foi derrotado pelo lanterna da competição e desperdiçou boa chance de subir ainda mais na tabela. Com a derrota, o Alvinegro parou nos 38 pontos mas segue entre os dez primeiros colocados. A equipe comandada por Jair Ventura volta a jogar no próximo sábado (1), às 16h30, na Arena, contra o Corinthians. 

O JOGO


O primeiro tempo foi extremamente truncado, com poucas chances de gol. O primeiro chute do Botafogo aconteceu aos 12 minutos, com Neilton, que chegou pela esquerda, fez boa jogada individual mas na hora de finalizar, mandou fraco, para defesa tranquila do goleiro do Coelho. Aos 27', Roger chutou ainda do campo de defesa na direção de Nixon, no entanto, a bola ganhou força e foi de encontro ao goleiro Sidão, que esperou a bola quicar e quase foi traído. Instantes depois, o Independência sofreu um apagão e o jogo ficou paralisado por cerca de 13 minutos. A bola voltou a rolar aos 30 minutos. Um minuto após, Emerson Santos chegou ao ataque e cruzou com força. O goleiro Fernando Leal agarrou com o corpo dentro do gol e pegou a bola em cima da linha, no limite. Por muito pouco o Glorioso não abriu o placar. O Coelho também esteve próximo de inaugurar o marcador. Aos 32', Matheusinho fez boa jogada na área e finalizou com o pé esquerdo. A bola desviou e foi por cima do gol de Sidão. Aos 33', após cobrança de escanteio, Sidão saiu mal e não achou nada. A bola ficou viva na área e Leandro Guerreiro finalizou. O zagueiro Carli salvou em cima da linha e evitou o gol. E foi só. Aos 46', o primeiro tempo terminou. 

O Botafogo voltou para o segundo tempo com Leandrinho no lugar de Camilo. E logo aos 3 minutos, o próprio Leandrinho limpou a marcação e tentou chute de fora da área, sem sucesso. Mas o América retornou do intervalo superior e pressionou em busca do gol, que saiu aos 19'. Ernandes chegou bem pela esquerda e cruzou para Jonas, livre, que completou para o gol. 

Jair Ventura aproveitou então para mexer na equipe, tirando Dudu Cearense e colocando Rodrigo Pimpão. Aos 26', o atacante se livrou de Roger, chegou na área pela esquerda e tentou cruzar para Canales. O goleiro Fernando Leal salvou com os pés. Aos 28', Neilton deu lugar ao meia Gervasio. Aos 30', Sidão fez boa defesa e evitou o segundo gol do Coelho. O Alvinegro ainda teve oportunidade de ouro para empatar aos 46', já nos acréscimos. Foi a melhor chance do time na partida. Pimpão não conseguiu concluir após toque de Bruno Silva. A bola sobrou para Gervasio Núñez, que cruzou para trás. Canales ainda dividiu com o marcador mas não conseguiu finalizar. Aos 49', o jogo chegou ao fim. 

OBSERVAÇÕES

América foi superior. Mereceu a vitória. O que irritou foi a postura apática do Botafogo, que em certos momentos, parecia andar em campo. O time foi poupado durante a semana, descansou. Não dá para entender. 

Jair Ventura foi completamente infeliz nas substituições. Fez alterações sem pé nem cabeça. Além disso, fez escolhas nada compreensíveis. Manteve Canales o jogo todo, mesmo com o atacante nulo em campo. Como explicar a manutenção de Emerson na lateral tendo contratado Alemão, que é da posição? Rodrigo Lindoso ficou no banco de reservas. Essa também não deu para entender. 

E o pior é que essa derrota é a cara do Botafogo. O clube adora perder pontos para equipes mais fracas. 

Airton levou um cartão aos 49 minutos do segundo tempo por reclamação. O resultado? Foi o terceiro dele e está suspenso para o próximo jogo. Carli também recebeu cartão por reclamação, o que virou rotina. Não pode. 

FICHA DO JOGO

América-MG 1
Fernando Leal, Jonas, Roger, Éder Lima, Bruno Teles; Leandro Guerreiro, Juninho, Ernandes, Danilo Barcelos (Tony), Matheusinho (Pablo); Nixon (Michael). Técnico: Enderson Moreira.

Botafogo 0
Sidão, Emerson Santos, Joel Carli, Emerson Silva, Diogo Barbosa; Airton, Bruno Silva, Dudu Cearense (Rodrigo Pimpão), Camilo (Leandrinho); Canales, Neilton (Gervasio Núñez). Técnico: Jair Ventura.

Estádio: Independência (MG).
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP).
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (ES) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP).
Gol: Jonas (19' do 2º T). 
Cartões amarelos: Leandro Guerreiro e Juninho (América-MG); Joel Carli, Airton e Bruno Silva (Botafogo). 
*Público e renda não foram divulgados.

Por: Gabriel De Luca (@Biel_dluca). 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.