Header Ads

Continuem assim e deixe-nos sonhar


Intensidade, aplicação, vontade, coletivo. Essas palavras ajudam a explicar o que foi o Liverpool em Anfield no último sábado. Apesar de ter como adversário o Hull City, que provavelmente lutará contra a queda, ainda havia dúvidas se o time de Klopp ia triunfar ou manter a sina de vacilar diante de adversários menores. O roteiro dessa vez foi a favorável a nós, que ficamos felizes ao fim do jogo por mais uma excelente atuação Red.

Os Reds venceram e convenceram (Foto: Getty Images)
Logo nos primeiros minutos, os visitantes já se viam encurralados e não conseguiam passar a linha que divide o campo. Só dava Liverpool, e aos 35’ o placar já marcava 3 a 0, fora o baile. Lallana, Milner e Manè marcaram.

Na segunda etapa, aos 5’, Karius não saiu do gol e em cobrança de escanteio a bola sobrou pra Mayler, que diminuiu para o Hull. Nem deu tempo daquele torcedor pessimista começar a se preocupar e deixar-se abalar. Coutinho, no minuto seguinte, com toda a sua mágica nos fez comemorar pela quarta vez. Golaço com a cara do camisa 10. Milner ainda fez o segundo de pênalti pra fechar o placar. Com personalidade, o Liverpool controlou o jogo e foi avassalador.

O coletivo foi bem e mais uma vez não há como destacar a atuação de apenas um jogador, todos foram decisivos dessa vez, Manè, Lallana, Coutinho, Firmino e os demais, em níveis diferentes. Para quem está acostumado a reclamar do time e há tempos não vê um momento tão bom assim, é sempre difícil se permitir ~empolgar~, mas é claro que estão nos deixando sonhar. Torçamos para que continue dando certo, que o estilo Klopp se mantenha e o time brigue por coisa grande, como jamais deveria ter deixado de ser.


Caio Semblano | @caisemblano

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.