Header Ads

A FA Cup trará (parcialmente) o Sol de volta às nossas vidas

Nesse fim de semana, enfrentamos o fraco Lincoln City, que é líder da quinta divisão do futebol inglês. Em um jogo sem sustos, o Arsenal, em ritmo de treino, aplicou um 5 a 0 no modesto e humilde time, que mereceu respeito pela bela campanha que fez até aqui, eliminando o Burnley na fase anterior.

Não estou escrevendo isso pra falar apenas sobre o jogo, que teve gols de Walcott, Ramsey - apenas o seu segundo na temporada -, Giroud, Alexis e um gol contra pra completar o placar. Mesmo sendo um time inferior, não deixa de ser uma classificação na copa mais antiga do mundo e mais uma passagem para jogar no místico Wembley. No meio de tanta chuva, vemos finalmente um (mesmo que pequeno) pedaço de Sol. 

Jogadores no jogo contra o Lincoln. (Foto: Reprodução / Twitter oficial do Arsenal)
"Ah, mas time grande que quer recuperar as glórias não pode se contentar apenas com FA Cup" Concordo, um time do tamanho do Arsenal não pode nunca ter a sua única chance de título na Copa nacional. Mas do jeito que as coisas andam tão ruins, não dá pra evitar tentar pelo menos ganhar um titulo. As pessoas de hoje, principalmente os jovens, têm essa mania de desvalorizar a FA Cup e eu particularmente não sei o porquê disso. Ainda é o segundo maior título nacional um time inglês pode vencer, e continua sendo uma das mais tradicionais competições do mundo.

Além disso, teremos um difícil pela frente a partir de agora. Passados os Suttons e Lincolns da vida, sobraram Totteham, Chelsea/United e City. Com o Campeonato Inglês e Champions League longe dos braços do Arsenal, a mística copa deverá "salvar” (ou amenizar) nossa temporada e a despedida de Arsène Wenger.

Por tudo que o clube passou nessa temporada, com certeza essa não é a despedida que Arsène imaginava e merecia - como maior treinador da história do clube, ele merecia mais - mas a FA Cup pode coroar pelo menos uma despedida com honra para o grande treinador francês.

A FA Cup é importante sim. Mas não podemos parar por aí. Temporada que vem, provavelmente teremos mudanças e com isso os tempos de glórias poderão voltar a estiar os nossos gigantescos terrenos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.