Header Ads

Em noite atípica, Sérgio Ramos brilha e Navas vai de vilão a herói: Siga o líder

Dependendo apenas de si mesmo para voltar à liderança, o Real Madrid enfrentou o Real Betis, neste domingo (12), pela 27ª rodada do Campeonato Espanhol. Em rodada marcada por tropeços dos rivais diretos na briga pelo título, o Real Madrid venceu com dificuldade a equipe de Andaluzia e retomou a primeira colocação da La Liga.

Com time misto e ainda sem Bale (cumprindo seu segundo jogo de suspensão), o Real Madrid foi à campo com: Keylor Navas; Marcelo, Sérgio Ramos, Nacho e Carvajal; Kroos, Modric e Isco; Cristiano Ronaldo, Morata  e James Rodriguez.

Keylor Navas foi de herói a vilão na partida de hoje. (Fonte: Espn.com)
O jogo aparentemente seria fácil para nós, pois se tratava do 14º colocado da La Liga. No primeiro turno vencemos o Betis por 6-1 em pleno Benito Villamarín, e no Bernabéu, a tendência era outra goleada. Porém, o Real Madrid fez uma partida atípica e passou sufoco com o Betis em pleno Santiago Bernabéu.

Durante o primeiro tempo, o Real Madrid teve posse de bola esmagadora, sufocando a equipe adversária e tentando infiltrar na defesa do Betis, formada por uma linha de cinco zagueiros - formação proposta pelo técnico Victor Sánchez e bem cumprida até então. O Real Madrid 'beliscava' algumas jogadas, sem muito sucesso. Até que num contra-ataque mortal tomou o primeiro gol – Aos 24', o lateral-esquerdo Durmisi, com uma avenida aberta pelo lado direito, avançou e cruzou rasteiro para Sanabria, o paraguaio chutou para o gol e contou com falha grotesca de Navas, abrindo o placar pra equipe visitante.

Ainda no primeiro tempo, após os blancos ficarem vários minutos tocando a bola sem objetividade, finalmente empatamos a partida. Aos 41', Marcelo fez bela jogada e cruzou na área, encontrando Cristiano Ronaldo livre de marcação, que cabeceou firme para o gol. Ótima partida do lateral-esquerdo brasileiro, cujo infernizou o lateral-direito italiano Piccini. Sofreu tentando marcar o camisa 12 merengue, que com toda sua habilidade e versatilidade, deitou e rolou por aquele lado.

Cristiano Ronaldo, mesmo tendo marcado gol, fez uma partida discreta. (Fonte: Torcedores.com)
No segundo tempo, ambas as equipes voltaram na mesma intensidade, ainda contando com a imprecisão nas conclusões das jogadas. Zidane não mexeu no time que iniciou a partida e voltou sem alterações. Cristiano Ronaldo até marcou o segundo gol da partida, de cobertura e sem tomar conhecimento do ex-goleiro merengue Adán, mas estava "impedido" segundo o bandeirinha. Gol legítimo que foi mal anulado - segue o jogo.

Insatisfeito com o resultado, Zidane começou a fazer as substituições: James deu lugar a Lucas Vázquez, Morata saiu pra entrada de Benzema e Isco também foi sacado, substituído pelo jovem Marco Asensío. As alterações surtiram efeito, e com poucos minutos em campo, Lucas Vázquez arrancou com a bola e foi puxado por Piccini, que não foi isentado e levou o segundo amarelo, consequentemente causando sua expulsão.

Nos minutos finais, Sérgio Ramos com todo seu brilhantismo, voltaria a assumir o protagonismo pela segunda vez consecutiva. Após ter marcado dois gols na Napoli pela Champions League, o zagueiro espanhol novamente foi crucial e desequilibrou a partida. Aos 81', Kroos bateu o escanteio na área e Sérgio Ramos chegou por trás como uma flecha, cabeceando com força para o gol e virando a partida. Nos minutos finais, Navas se redimiu de 'frango' no primeiro gol – Sanabria cabeceou forte e no canto, obrigando o goleiro costarriquenho a fazer ótima defesa. E o jogo ficou nisso, vitória madridista e liderança assegurada. FT: 2-1.

É a melhor temporada de Sérgio Ramos no quesito artilharia, com 11 gols marcados. Reverenciem, contemplem e agradeçam por vivenciar a época desse espanhol maravilhoso. O Real Madrid volta aos gramados no próximo sábado (18/03), contra o Athletic Bilbao, pelo Campeonato Espanhol. Jogo será realizado no San Mamés. Um jogo difícil, na qual a vitória seria essencial para continuar almejando o 33º título, e decretando o fim desse jejum. #HalaMadrid

Por: Kayo Henrique | | Twitter: @Heenrique010

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.