Header Ads

Grêmio 1 x 1 Ceará: Coloca na conta do goleiro

Mesmo com o Grêmio utilizando os garotos da base, Ceará ficou no empate e com direito a falha do goleiro Everson. Situação do Vozão na Primeira Liga ficou bastante complicada após mais um jogo sem vencer.

FOTO: Divulgação Grêmio
Em busca de uma vitória que garantia sua classificação para a segunda fase da Primeira Liga o Ceará enfrentou o ''terceiro time'' do Grêmio, sem menosprezo era considerado uma obrigação o alvinegro conseguir vencer e obter a classificação que renderia premiação de algo em torno de R$ 500 mil, mas como estamos falando de futebol os garotos gremistas demonstraram mais vontade e com uma ajudinha do goleiro empataram a partida.

1º Tempo: Pouca criação e gol de Magno Alves

Em uma primeira etapa morna, o Vovô conseguiu marcar seu gol após vacilo da defesa gaúcha, Magno Alves marcou seu 95º gol com a camisa alvinegra. Mesmo utilizando o esquema com três atacantes (Magno Alves, Alex Amado e Victor Rangel) o time quase não criou jogadas ofensivas ficando mais uma vez evidente a deficiência do ataque do Ceará. Já para o Grêmio, que está com a cabeça no Grenal 412 foi uma oportunidade de observar a garotada e durante o primeiro tempo criou uma única chance de gol, Lucas Coelho serviu Lima que chutou para fora.

Magno Alves marcou seu 95º gol pelo Ceará. FOTO: Cearasc.com
2º Tempo: Ceará acuado e falha de Everson

A primeira chance de perigo foi do Ceará, a chance de matar o jogo foi desperdiçada por Victor Rangel que chutou forte e a bola passou perto da meta gremista, um minuto depois Wallace Oliveira cruza na área e Lucas Rex empatou a partida numa falha bisonha do goleiro Everson. Animado o Grêmio começou a pressionar e quase virou a partida (em outro erro de Everson). Tentando ter mais ofensividade Givanildo coloca Maxi Biancucchi na vaga de Alex Amado e o Ceará perdeu mais uma oportunidade aos 26 minutos Victor Rangel e Cametá se enrolaram com a bola. Precisando do resultado o Vozão foi para o abafa, mas não conseguiu criar nenhuma chance e amargou o terceiro empate na Primeira Liga.

Lucas Rex comemorando o empate. FOTO: Felix Zuco/Agencia RBS
Algumas Considerações...

Todo jogo a mesma conversa que o Ceará não cria nada, ontem fizemos nosso primeiro gol em três jogos na competição (com ajuda do adversário). Sofremos da Magno Alves dependência, é por meio do ''velhinho bom de bola'' que aparece algo de produtivo nesse ataque. Mas é fácil de entender as causas dessa falta de produção ofensiva, o nosso meia Felipe Tontini caiu de produção e no esquema 4-3-3 os pontas necessitam ter agressividade, coisa que Alex Amado, Lelê e os demais até então não demonstraram.

Everson parece que pegou gosto em entregar gols, já não bastava o do ultimo clássico rei o goleiro (que para muitos é um santo) falhou feio novamente. Ontem estava totalmente nervoso, em duas saídas erradas do gol que poderiam ter decretado a derrota alvinegra, de uma coisa eu tenho certeza se ele não baixar a bola vai esquentar banco para o seu reserva, o experiente Lauro.

Everson falhou novamente e complicou o Ceará. FOTO: Cearasc.com
Precisamos de reforços pra ontem, Givanildo sozinho não vai pra canto nenhum e nosso treinador tem ciência disso já pediu contratações à diretoria que diz está observando o mercado. Eu e a torcida do Ceará esperamos que essas novas peças quando aqui chegarem, cheguem para resolver. O elenco será observado e alguns deverão ir embora assim como Douglas Baggio já foi, é aguardar as novidades no decorrer da próxima semana.

Situação na Primeira Liga e próxima partida

Em três jogos, três empates o Ceará só consegue a classificação se o jogo América/MG x Grêmio terminar empatado. O alvinegro voltará a campo no próximo domingo 05/03 as 16h00 para enfrentar o Uniclinic pela ultima rodada da primeira fase do estadual. Já classificado e com a liderança assegurada Givanildo Oliveira deverá mandar a campo o time considerado reserva.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 1 X 1 CEARÁ

GRE: Bruno Grassi, Wallace Oliveira (Balbino), Zé Augusto, Lucas Rex, Iago, Machado, Jéferson Negueba, Lima, Rondinelly (Tilica), Ty Sandows (Jean Pyerre) e Lucas Coelho. T: Renato Gaúcho.

CEA: Everson, Cametá, Rafael Pereira, Luis Otávio, Romário (Lucas), Raul, Richardson, Felipe Tontini, Alex Amado (Maxi Biancucchi), Magno Alves e Victor Rangel. T: Givanildo Oliveira.

CARTÕES AMARELOS: GRE: Wallace Oliveira / CEA: Everson, Lucas, Raul e Victor Rangel.
GOLS: GRE: Lucas Rex (8 do 2º Tempo) / CEA: Magno Alves (18 do 1º tempo).

Davi Maia | @davims 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.