Header Ads

Invasão Paulistana

O Esporte Clube Taubaté tem neste domingo mais um desafio na Série A2 do Campeonato Paulista. A missão do Burro da Central não será nada fácil. Ao entrar em campo para enfrentar o Juventus, o Alviazul carregará com ele o tabu de mais de 50 anos sem derrotar o Moleque Travesso na Rua Javari.

A última vez em que o Taubaté bateu o Juventus em seus domínios foi no 3 de novembro de 1962, 1x0, gol de Diango, em confronto válido pela elite do futebol paulista. De lá para cá foram muitos confrontos, por todos os campeonatos possíveis, e no máximo que o Taubaté conseguiu foi retornar para casa com empates. 

Cerca de 500 torcedores do Taubaté deverão comparecer a Rua Javari. Foto: Bruno Castilho/EC Taubaté
Apesar de todo o tabu, estar na Rua Javari é sempre uma diversão para nós taubateanos. Os irmãos juventinos provavelmente são nossos maiores amigos no futebol. A recepção é sempre boa antes e depois dos jogos. Claro que durante os 90 minutos cada um defendem suas cores.

A expectativa na cidade de Taubaté é de uma verdadeira invasão de torcedores do Burro na capital. Ciente disto, a diretoria do Burro solicitou ao Juventus que enviasse ingressos para serem vendidos em Taubaté. Dos 300 bilhetes recebidos, mais de 250 foram vendidos antecipadamente. Outros torcedores adquiriram os ingressos via Internet.

Aos menos quatro ônibus e um micro ônibus já foram contratados pelas torcidas organizadas. Uma van com torcedores que moram na vizinha cidade de Tremembé também estará presente na caravana, além de outras que partirão de Taubaté. Nas Redes Sociais muitos torcedores que irão de carro estão oferecendo carona a outros que estão dispostos a acordar cedo na manhã deste domingo. Outros torcedores que moram na capital também estarão presentes. A tendência é que os cerca de 500 lugares reservados aos visitantes na Javari estejam ocupados.

Dentro das quatro linhas, o técnico Evaristo Piza finalmente poderá diminuir o número de improvisos no time taubateano. Rodrigo Soares retorna a lateral esquerda após cinco partidas ausente. Já na lateral direita, com Rafael Ferro cumprindo seu último de jogo gancho e Israel lesionado, mais uma vez a camisa 2 deverá ser dada ao atacante Gabriel.

Quebrar este tabu será de fundamental importância para os taubateanos. Sair da capital com o os três pontos manterá o Taubaté na parte de cima da tabela e praticamente afastará o temor de boa da torcida que é o de ver o clube despencar na classificação nesta reta final do torneio e correr risco de rebaixamento. Sim, o Burro ocupa a 5ª colocação, mas muitos ainda temem pelo pior, visto que nas nove rodadas que restam, os confrontos reservados ao Alviazul serão contra os times mais bem colocados da competição, e o Taubaté está longe de convencer.

Burro da Central não vence o Juventus na capital desde 1962. Foto: Bruno Castilho/EC Taubaté
Curiosidades

- Nestes mais de 50 anos, o Taubaté conseguiu uma vitória em 2013 na Rua Javari, ao derrotar o Palmeiras B, que mandava suas partidas pela Série A3 na Mooca. Os gols da vitória por 2x1 foram marcados pelo atacante Bruno Morais.


- A relação entre taubateanos e juventinos é tão boa, que em 2012 a torcida dos dois times se juntaram para realizar algo inédito no futebol, protestar contra o técnico Karmino Colombini, que na época dirigia o Taubaté, porém já havia passado pelo Moleque Travesso sem deixar muitas saudades.  Representantes das duas torcidas ficaram lado a lado atrás do banco de reservas cobrando o treinador, que após o jogo pediu demissão do Alviazul.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.