Header Ads

Já classificado, Vila Nova vacila e perde para o Itumbiara no Serra Dourada

No último domingo (2), o Vila Nova recebeu o ameaçado Itumbiara, no Serra Dourada. Jogando mal o Tigre foi derrotado por 3x2, Vanilson ex-jogador do Vila Nova e Gilmar marcaram para o Itumbiara. Alemão e Moraes Júnior descontaram para o Tigrão.

Mesmo com a derrota, o Vila Nova continua na vice-liderança do grupo com 21 pontos, atrás do Goiás com 22. Já classificados, Vila e Goiás que apenas cumpre tabela na última rodada aguarda o resultado dos jogos para saber quem será seus adversários nas semifinais.

(Foto: Comunicação Vila Nova / Paulo Massad).
O jogo

No início da partida, o Vila começou bem levando perigo pelo lado direto com Maguinho. Mas, mal posicionado no esquema com três atacantes. Wallyson, Moisés e Stefano Yuri perdidos em campo não conseguiram entender o esquema do técnico Mazola Jr. Pela lateral, Jonathan totalmente perdido, o Vila não ameaçava o adversário.

Aos 9' da primeira etapa, o Vila foi surpreendido. Vanilson ex-jogador colorado recebeu um belo lançamento de Magrão. O atacante dominou e chutou: 1x0 Itumbiara. O dia era mesmo do camisa 9 do Gigante do Vale. Com 25 minutos de jogo, Vanilson recebeu nas costas da zaga colorada, dominou e chutou forte marcando o segundo gol dele na partida: 2x0 Itumbiara. 

Pecando na marcação, o Vila Nova errava muitos passes. E aos 41' em uma cobrança de escanteio batida por Wallyson, Alemão não desperdiçou e cabeceou para o gol, fazendo seu primeiro gol com a camisa do Vila: 2x1. Vila ainda teve a chance de empatar a partida no final do primeiro tempo com Wesley Matos que de baixo da trave deixou a bola escapar.

(Foto: Reprodução /  TV Anhanguera).
De volta para o segundo tempo, o Vila parecia aquele time horrível dos últimos jogos. Errando bastante. Jogadores estavam sem nenhuma vontade de se encontrar na partida, uma verdadeira vergonha sem fim. E o Itumbiara aproveitou para liquidar de vez o jogo. Aos 8' da segunda etapa, Vanilson recebeu um belo lançamento, o goleiro Elisson se antecipou tentando afastar a bola. Elisson acabou derrubando o atacante, pênalti. Poderia ter sido o terceiro gol do camisa 9 do Gigante do Vale. Porém, Gilmar artilheiro do Goianão bateu deslocando o goleiro colorado, 3x1 Itumbiara.

Após o terceiro gol do Itumbiara, o Tigre mostrou um esboço de que ia reagir na partida. Vandinho e Moraes Jr entraria para mudar o jogo para o Vila. Aos 27' Vandinho faz uma boa jogada, Moraes em seu primeiro toque de bola recebeu livre no meio da área, e bateu: 3x2. Vila por pouco não empata a partida após uma cabeçada do atacante Vandinho. Mas, não passou disso.

Cumprindo tabela na última rodada o Vila Nova vai até Catalão enfrentar o já rebaixado Crac no próximo domingo (9), no Estádio Genervino da Fonseca às 16h. Enquanto isso Vila fica de olho no seu possível adversário na próxima fase. Mesmo com a derrota o Tigre permaneceu na terceira colocação no geral com 21 pontos, atrás da Aparecidense com 25 e Goiás com 22 pontos. Atlético fecha em quarto com 19.

Opinião

A falta de vontade na derrota do último domingo vista por muitos de nós como corpo mole para escolher adversário na próxima fase. Nos últimos anos quando o Vila se classificou essa mesma desculpa veio a tona. Hoje ela não convence mais, o nosso time é realmente limitado. Não assusta ninguém.

Sofremos derrotas repentinas para times do interior que era considerados tecnicamente inferiores ao Vila. As derrotas para Goianésia e Itumbiara deixou um alerta. Será mesmo que o problema somente esse? Essa é a pergunta que o torcedor se faz todo ano.

O técnico Mazola Jr continua levando toda a culpa por essas derrotas. Por opção dele a diretoria não contratou mais. Após isso a falta de um meia de referência na equipe foi bastante contestado. Na função temos Hiroshi e o garoto Everton. Jogaram uma responsabilidade que não deveria em cima de um garoto da base, achando que ele seria a solução dos problemas. Ajudou, mas não resolveu.

Hiroshi ainda está devendo muito, chegando até a receber duras críticas vindo do presidente e do treinador do clube. Coisas que nessa altura da competição não deveria ser ditas. Vila sendo Vila meus amigos. Uma vergonha.

Outro grande problema seria a falta de um camisa 9. Stefano Yuri vindo do Santos, chegou para acabar com a seca de gols do ataque. Sem um meia de armação isso não se resolveria assim mesmo a intenção de ajudar sendo grande. Sem um meia nada disso vai acontecer.

Se o treinador continuar insistindo em jogadores sem vontade nenhuma dentro de campo, o torcedor pode desistir e começar a se preocupar do que será feito do clube no Brasileirão deste ano.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.