Header Ads

Miami Heat vence e permanece vivo na luta pelos playoffs

O Heat entrou no jogo deste sábado (8) precisando ganhar fora de casa do Washington Wizards e manter o sonho de uma vaga na pós-temporada do basquete norte-americano. O time da capital precisava vencer também, já que buscava a terceira colocação da conferência Leste.

O primeiro quarto começou com um domínio dos Wizards, mas Tyler Johnson veio bem do banco e, juntamente com Hassan Whiteside, ajudou o Heat a diminuir a diferença, mas ainda saiu perdendo por 29-28. No segundo quarto, o Heat impôs uma sequência de ótimas defesas, inclusive em cima de John Wall, que fez apenas 16 pontos no jogo, com a marcação de Josh Richardson. O período terminou empatado, mas a promessa de um jogão do começo estava sendo atingida.

O terceiro foi pegado, mas Goran Dragic, armador do Heat, que havia feito apenas três pontos no primeiro tempo, melhorou no terceiro período e deu ao time da Flórida uma liderança de quatro pontos indo para a parte final do jogo. Nos 12 minutos finais, Miami liderava por 78-74, mas deixou a liderança escapar.

Hassan Whiteside sobe para o gancho sobre Gortat para 2 de seus 30 pontos na noite. (Foto: The Fresno Bee)
Foi no final do jogo que começou a ficar muito interessante. Whiteside estava em uma das melhores noites da carreira e flertava com os 30 pontos, que conseguiu com um gancho lindo para cima do polonês Marcin Gortat. Richardson continuava com sua ótima performance defensiva, com quatro roubos de bola e dois tocos, mas a jogada que mudaria a história do jogo ainda estava por vir.

Com 20 segundos restantes no cronômetro e os times empatados em 102-102, Wall sofreu uma falta e acertou apenas um dos dois lances-livres que cobrou. Foi então que um herói incomum surgiu para o Heat. James Johnson pegou a bola quase no meio de quadra, foi para a cesta, deu um giro espetacular que deixou Markieff Morris perdido na defesa e fez uma bandeja sensacional que deu Miami a liderança faltando apenas 11 segundos de jogo.

Washington ainda tinha chances de ganhar e todos esperavam a bola no seu principal jogador, John Wall. Porém, Kelly Oubre passou a bola por cima do armador e J-Rich, esperto na jogada, conseguiu recuperar a bola e sofreu a falta, já que os Wizards não tinham opção. Converteu os dois "arremessos livres" e deu uma liderança de três pontos com nove segundos no relógio.

Foi então que Bradley Beal recebeu a bola na linha de três, fez um "pick and roll" com Gortat e tentou um arremesso de três por cima de Whiteside, mas acabou por levar um toco na tentativa. O Miami Heat derrotava o Washington Wizards em pleno Verizon Center. Isso deu ao time a vitória no confronto da temporada, em 3-0 com apenas um jogo restante entre as duas equipes, na American Airlines Arena no dia 12 de abril.

Goran Dragic, Hassan Whiteside e James Johnson se abraçam após vitória importante na capital norte-americana (Foto: Twitter Oficial do Miami Heat)
Hassan Whiteside- 30 pontos, 12 rebotes, 2 roubos, 3 tocos
Tyler Johnson- 19 pontos, 4 rebotes
Goran Dragic- 18 pontos, 4 rebotes, 7 assistências, 2 roubos
James Johnson- 15 pontos, 11 rebotes, 5 assistências
Josh Richardson- 10 pontos, 5 roubos, 2 tocos
Wayne Ellington- 10 pontos, 2 roubos

O Miami Heat volta a jogar segunda-feira (10) contra o Cleveland Cavaliers, em casa, na American Airlines Arena.

GO HEAT

Gabriel Barros

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.