Header Ads

No Mané, no problem

Liverpool vence o seu primeiro jogo na Premier League sem Sadio Mané (Foto: Reprodução/Liverpool FC)
Todos sabem o quanto o Liverpool sente dificuldades na ausência de Sadio Mané. O senegalês muitas vezes é o jogador que faz a diferença para o time de Klopp, que sente a sua falta. Sem o jogador contra o Bournemouth só não ganhamos por muito pouco, e todos sabiam de que hoje (08), contra o Stoke City teríamos que lutar para vencer.

Após um primeiro tempo sem ritmo, sem criatividade e muitos sustos, o Liverpool saiu atrás no placar, devido a uma falha na marcação que deixou Walters sozinho. No segundo tempo, Klopp colocou o "little magician" Philippe Coutinho e Roberto Firmino, que fizeram a diferença, ambos marcando os gols para os Reds, vencendo o Stoke por 2-1 no Bet365 Stadium.

Todos os torcedores, inclusive eu, tivemos a mesma reação quando vimos à escalação de Klopp: "O que é isso?!". O time veio com muitas mudanças e Klopp optou por deixar Coutinho e Firmino como opções no banco, escolhendo um esquema tático que o Liverpool ainda não havia usado na temporada, com três zagueiros. O Liverpool foi a campo com: Mignolet; Alexander-Arnold, Lovren, Matip, Klavan e Clyne; Wijnaldum, Can e Milner; Origi e Woodburn.

O esquema tático escolhido por Jürgen Klopp não agradou. O Liverpool geralmente tentava a jogada direta, que não funcionava a maioria das vezes. Os jogadores pareciam e não estavam habituados a jogar daquela forma, sem entrosamento e muitas vezes não sabiam o que fazer.

Honestamente, não era de se esperar que os jovens Alexander-Arnold e Woodburn fizessem a diferença, e não fizeram. Arnold sofreu e muito para marcar Arnautovic e Woodburn não conseguiu criar muito, quando teve oportunidades não fez a decisão correta. A defesa foi insegura em todo o primeiro tempo, inclusive falhando no gol de Jonathan Walters, que é uma espécie de carrasco do Liverpool.

Na segunda etapa a história foi outra: Klopp colocou Coutinho e Firmino no jogo, dando uma cara mais criativa e ofensiva para o Liverpool. Até o primeiro gol Red a pressão era total, sem dar espaço ao Stoke e criando muitas chances.

Philippe Coutinho marca o gol que coloca os Reds de volta na partida (Foto:Liverpool FC)
O gol finalmente veio com Coutinho, que pegou a sobra da defesa do Stoke aos 70' e abriu o placar. Com esse gol o pequeno mágico se torna o artilheiro brasileiro na Premier League, com 30 gols, superando Juninho Paulista.

Dois minutos depois, mais um brasileiro deixou sua marca. Após um passe magistral de Wijnaldum, que estava muito mal na partida, Roberto Firmino fez um golaço, chutando de primeira e encobrindo o goleiro do Stoke, virando o jogo para o Liverpool.

Hoje mostramos o nosso espírito de luta mais uma vez. Sem o nosso principal jogador, não atuando bem e atrás no placar, conseguimos virar o jogo e começar a garantir nosso lugar na próxima UEFA Champions League, que é o objetivo pra temporada. Todos sabem que não será fácil e que também não precisamos jogar bem em todas as ocasiões, o importante é conquistar a vitória, não importa a maneira.

O próximo jogo será muito difícil, contra o West Brom fora de casa. Contudo, após a vitória de hoje, estaremos com confiança e com vontade de assegurar nosso lugar na Champions League e quem sabe brigar pelo título de forma mais intensa na próxima temporada.

Vou me despedindo por aqui e YNWA.

Por Gabriel Coelho / @gabrielcoelhof_

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.