Header Ads

Uberlândia se despede de 2017 com vaga na Série D

Uberlândia, MG, 11 - Ponto final para o UEC em 2017, poderíamos ter alcançado objetivos ainda maiores, o saldo do Mineiro é a vaga na Série D 2018.

Uberlândia x Tupi-MG; Parque do Sabiá; Uberlândia; Campeonato Mineiro (Foto: Leo Enderson)
Em jogo morno, UEC x Tupi ficam no empate se despedem do Mineiro. Foto: Léo Enderson.

Começo o último texto sobre a saga uberlandense na elite do Campeonato Mineiro 2017, dando os parabéns à entidade Uberlândia Esporte como um todo, não pela última partida, que tivemos a oportunidade em casa de fechar a temporada com chave de ouro e apenas empatamos. Um dos objetivos traçados foi alcançado, conquistamos com vários percalços na trajetória a tão almejada vaga para o Campeonato Brasileiro da Série D.

Em 2018, teremos novamente calendário cheio, competição nacional e novos objetivos. No estadual deste ano não veio à classificação à fase semifinal, indiretamente decidida no clássico contra a URT, mas voltaremos ao holofote nacional, desde 2009 o Verde não se credencia a disputas nacionais, quando parou na segunda fase da Série D, contra o Araguaia.

Particularmente essa conquista pode ter, se bem gerida, um significado importante, uma possibilidade de tentar um salto de qualidade para o ano próximo, com possibilidade de maiores receitas, maiores públicos. Com a volta das viagens interestaduais, teremos melhores condições e maior atratividade a futuros parceiros/patrocinadores. O UEC de quebra ainda fica na fila para conseguir uma vaga na próxima edição da Copa do Brasil, ficando no aguardo agora de Atlético/MG e Cruzeiro conseguirem vaga à Libertadores 2018.

Para um torcedor que teve ser orgulho ferido, sua paixão provada, durante o longo teste de fidelidade de cinco anos seguidos no Módulo II de Minas, sempre tendo os elencos mais caros e não garantindo o acesso no "apagar das luzes", o que aconteceu esse ano foi a subida de mais um degrau, mais um lance na subida que o Periquito tem para retornar ao seu lugar, que é direito de nascença, de figurar entre as forças do estado. Conseguimos permanecer mais uma vez na elite, iremos para o terceiro campeonato seguido no Módulo I, o que infelizmente não acontecia desde o triênio 2000-01-02, quando o Furacão começou essa rotina do sobe e desce.

Com um pouco mais de eficiência em algumas partidas tenho certeza que uma das vagas na semifinal e o título de campeão do interior seria nosso, havia muitas equipes próximas e pequenos detalhes renderam a nossa 6ª colocação final. Não podemos aqui abrir um debate especulativo, que caso Cesinha na lateral, Diogo e Rodney no meio campo e Schumacher no ataque estivessem desde os primeiros jogos, a história seria outra, é impossível cravar algo assim, o futebol, o esporte em geral não é matéria exata.

Como torcedor tenho esperança que os diretores, as pessoas qualificadas na montagem de elenco, estudem muito bem os próximos jogadores que irão vestir o manto verde, não apenas contratem atletas que se destacaram em uma temporada isolada, mas que tenham um histórico regular de atuações; Não contratemos apenas porque foram bem em rivais do estado, ano que vem teremos uma competição nacional, as contratações devem ser feitas com calma, muita pesquisa, e parcimônia, pois não temos chance para o erro, é importante jogar na certeza.

Mais uma vez o torcedor compareceu ao Parque, mostramos nossa força com a melhor média fora da capital, endurecemos partida contra o Cruzeiro e até os minutos finais contra o Atlético. Contra o Tupi com alguns desfalques, o jogo foi lento, moroso, sem muita ação, saímos na frente e cedemos o empate no final, empate este que era o necessário para assegurar a vaga à Série D, poderíamos ter vencido também a última partida, porém o saldo da competição acaba sendo positivo. 

L'immagine può contenere: 1 persona, folla e spazio all'aperto
Torcida Compareceu e fez a festa no Parque. Reprodução/Facebook Oficial do UEC.
Mandando um até breve ao Campeonato Mineiro, ano que vem estamos de volta, foi bom enquanto durou, viver novamente a atmosfera do futebol na "Maior do Interior de Minas". Continue acompanhando o dia a dia do clube, comprem suas camisas, arrumem suas malas, faça a revisão em seu veículo, 2018 tem pé na estrada, tem Furacão Verde da Mogiana no Campeonato Brasileiro.

Por: @carlosjr92educa
Carlos Alberto de Sousa Júnior - Colunista do Uberlândia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.