Header Ads

O preço da audácia

Em mais um jogo em São Januário, a torcida vascaína se fez presente e torceu, incentivou, gritou e cantou com toda força que tinha. A festa foi linda, o território hostil para os visitantes estava como nos seus bons tempos, um verdadeiro caldeirão.

O esquema tático do time novamente foi por água abaixo com o primeiro gol do Corinthians. Por uma desorganização tática, o time foi penalizado com um gol antes dos primeiros 10' do primeiro tempo. Pela tentativa constante de tentar abrir a zaga adversária, o time ficou exposto no setor defensivo, e novamente foi penalizado com um gol. E, com um time muito desorganizado, o Vasco foi para o intervalo com um 2 a 0.

O segundo tempo veio, e as substituições feitas pelo auxiliar de Milton Mendes foram feitas, e pareciam surtir efeito. O Vasco voltou com uma vontade enorme de vencer e com uma determinação muito maior do que a depois do primeiro tempo. Com isso, e com um time mais compacto e rápido nas transições, o empate veio.


A grande questão para o restante do segundo tempo foi a ambição. Em São Januário, sempre é imprescindível vencer. Com um 2 a 2, o time equilibrou-se e continuou a atacar e a questão apareceu e o auxiliar tentou vencer a qualquer custo. E a constante substituição de marcadores por atacantes foram muito audaciosas.

Audaciosas até demais. O Vasco ficou totalmente exposto na defesa e Fábio Carille soube explorar colocando mais jogadores rápidos para puxarem contra-ataques. E essa foi a jogada mortal para o Vasco. De um empate é um ponto garantido, saímos com um 5 a 2 em casa, e com a torcida muito decepcionada. Apesar da resposta negativa frente à audácia, o grande problema que ocasionou a derrota foi a desorganização tática que um time recheado de atacantes teve.

O jogo de hoje (contra o Sport) irá avaliar qual será o nosso destino: Se será se livrar do rebaixamento, meio de tabela seguro ou o a enfática "ida às cabeças".

Saudações vascaínas é um grande abraço,

J.P.Alves || @8_joaopedro

Linha de Fundo || @_SiteLF

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.