Header Ads

Amém, aleluia, 85 dias depois o Náutico enfim, volta, a saber, o que é vencer

O Náutico voltou a campo na última terça feira (04\07) e visitou o ABC no Frasqueirão ás 21:30. Fazia tanto tempo que não vencia, após quase três meses e sobre um jejum de 15 jogos sem vencer, a última vitória tinha sido contra o Santa Cruz pelo pernambucano, foram 4 empates e 11 derrotas, até conquistar sua primeira vitória, e foi chorado, foi suado.

A equipe alvirrubra comandada pelo treinador entrou em campo com 3 zagueiros e defendeu com uma linha de 5 defensores, alternando um 5-4-1 com um 5-3-2 dependendo do fôlego de Giovanni que foi mais uma vez um dos melhores do time em campo, e com a bola o time se comportava num 4-2-3-1.
Linha de 5 defensores


E foi bem no momento defensivo, o ABC pouco conseguiu criar, quebrar as linhas do Náutico. Porém a transição ofensiva do time é um problema que Beto Campos vai ter que arrumar, faltou criatividade ao ataque e mostrou de novo uma dependência de Giovanni e Erick que não esteve nas suas melhores noites.

Foi um jogo bem equilibrado, cheio de faltas, bem pobre tecnicamente, onde o ABC teve mais a bola, mas isso só prova que o ABC ficou mais tempo sem saber o que fazer com ela. No primeiro tempo o ABC criava mais, justo pela esquerda da defesa do Náutico, que o lateral era o zagueiro Léo Carioca e apoiava bem menos que Suelinton, Jeanderson que é lateral de origem, ficou perdido em alguns momentos para fechar na linha de 5 defensores e lá na frente perdia muitas bolas, tanto é que no 2T deu vaga a Manoel e não só ele, muitos erros na parte ofensiva.

Começou da mesma forma de como foi o primeiro, o ABC até assustou em umas duas jogadas, até que veio o gol, numa roubada de bola com Giovanni que tocou para Erick o camisa 33 alvirrubro errou e que bendito erro, a bola sobrou para Suelinton que colocou na cabeça de Gilmar fazendo seu primeiro gol no retorno ao Náutico.

Depois do gol o ABC veio para cima e quase empata logo em seguida em uma cabeçada de Zotti que passou muito perto do gol, o timbu chegava no contra ataque e abusou de perder gols. No fim do jogo teve de tudo, jogador atrapalhando jogador na hora de fazer gol, erro no último passe com jogador sozinho, os dois feitos protagonizados por Darlan e até escanteio que seria gol e o zagueiro Breno Calixto salvou em cima da linha, tudo pela vitória.

Após o jogo as redes sociais foram bem movimentadas, com torcedores de outros times que demonstraram apoio a torcida alvirrubra com mensagens de ânimos, será uma longa caminhada rumo ao milagre, mas nada é impossível.

FICHA TÉCNICA:

ABC:Edson, Bocão, Oswaldo, Filipe, Eltinho; Anderson Pedra (Gêge), Filipe Guedes, Zotti; Erivélton (Dalberto), Echeverría (Marques), Caio Mancha
Treinador: Geninho

Náutico:Thiago Cardoso; Suelinton, Breno, Feliphe Gabriel, Léo Carioca (Aislan), Jeanderson (Manoel), Amaral, Darlan, Giovanni (Jobson), Erick, Gilmar

Treinador:Beto Campos


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.