Header Ads

Atuação fraca, resultado maravilhoso

Caros tricolores, o Fortaleza voltou à campo na na tarde do último sábado (29) pela décima segunda rodada do certame nacional e conseguiu o triunfo, 1 a 0, diante do Salgueiro, gol marcado por Lúcio Flávio com menos de um minuto de jogo. Chegamos a 21 pontos na tabela de classificação, com um returno bem produtivo, três jogos e duas vitórias, vamos encaminhando a vaga no Mata-Mata. Próximo compromisso do Leão, será diante do Asa-AL, no próximo sábado, dia (05/08) às 21hs, em solo alagoano. 


Torcida jogou junto com o time no final e arrancou esses três Pontos na "marra". (Facebook.com/Fortalezaec / Divulgação) 
O jogo mal tinha começado direito e após uma cobrança de falta na área, Lúcio Flávio aproveitou o bate-rebate e mandou para o fundo do gol. Depois disso, o Fortaleza teve o domínio da posse de bola, mas sem criar muito no campo ofensivo (muitos erros de passe, lentidão na transição, escolhas equivocadas de jogadas, foram a tônica de todo o restante da partida). O adversário esperava o nosso time e tentava algo no contra-ataque. O primeiro tempo continuou morno, sem que conseguíssemos ampliar o marcador. 

No segundo tempo, o rival veio para cima, marcando pressão e tentando sufocar o nosso time, sofremos alguns sustos na defesa, inclusive acertou uma bola na trave. Além disso, nosso jogo ofensivo perdeu as forças, não obtendo êxito nas poucas jogadas que foram articuladas. O técnico demorou muito para fazer as substituições visto que o time estava visivelmente cansado, chamando o adversário para o campo ofensivo. para completar o volante Wellington Reis foi expulso aos 35 minutos, criando um clima de tensão nas arquibancadas da Arena Castelão. O Salgueiro pressionou e buscou o empate, mas o jogo terminou com a vitória do tricolor. 

Quero destacar aqui o centroavante Lúcio, que se movimentou muito, buscou o jogo e fez o gol da partida, mostrando que é uma peça muito importante para o time. Ressaltar também a participação da torcida, principalmente no final do jogo, com o time levando pressão, apoiou ainda mais, incentivou os jogadores e foi um fator determinante nesse triunfo. 


Esse foi o momento decisivo do jogo, falta para o rival no final da partida. (Facebook.com/Fortalezaec /Divulgação) 

OPINIÃO DO COLUNISTA 

O Fortaleza venceu o jogo, entretanto, não jogou nada bem. Errou muito no campo ofensivo, lento, previsível, sonolento, nervoso e desatento na defesa. A teimosia do nosso treinador é algo surreal, todo mundo percebe que a improvisação na zaga é prejudicial e ele continua com isso, além disso, as substituições mais uma vez foram nulas e não acrescentaram em nada. 

Esse time tem muita garra, raça, luta por cada bola, e sobretudo, muita sorte, porém, é limitado e ainda não deu sinais que pode render mais na questão técnica e vai ser no sufoco, pressão até o final, talvez seja o destino nos reservando o acesso com o cenário mais adverso possível. A liderança do Boeck é impressionante, ele consegue contagiar a torcida e motivar o elenco nos momentos complicados, podemos afirmar que temos um ótimo goleiro e um torcedor nato em campo. O número mágico para a classificação são 30 pontos, faltam 9 e a sequência de jogos é acessível, vamos focados e unidos em busca desse vaga. 

#BORALEAO 
JUNTOS LUTAREMOS PELO ACESSO 

Por : Gabriel Viana 
Twitter : @SITELF /@GabrielVianaSo3 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.