Header Ads

Goleada e zebra na abertura da Série B do Catarinense

Neste último final de semana, deu-se início a disputa da segunda principal competição de Santa Catarina: a Série B do Campeonato Catarinense. Dez clubes entraram em campo para disputarem por duas vagas na elite do futebol catarinense. Explicando rapidamente, o torneio será disputado em turno e returno. Caso tivermos dois campeões diferentes em cada turno, teremos uma semifinal com outras duas equipes classificadas pelo índice técnico. Se uma mesma equipe for campeã dos dois turnos, será declarada como campeã, e o segundo e terceiro colocados no índice técnico decidem em um mata-mata quem fica com a outra vaga na elite.

Série B do Campeonato Catarinense é aqui no Linha de Fundo
Abrindo a rodada no sábado, em jogo isolado, o Barra recebeu no Camilo Mussi, em Itajaí, onde mandará os seus jogos, a equipe do Concórdia. O placar da partida foi mínimo: 1x0 para o Barra, com gol do zagueiro Gabriel Silva de cabeça. Sem muitas emoções, o fato inusitado da partida foi de que o árbitro no meio do jogo sentiu a maior vontade que um ser humano pode ter: defecar. O estranho é que no estádio o árbitro não encontrou nenhum vaso sanitário para fazer as suas necessidades.

Gol solitário de Gabriel Silva deu vitória ao Barra frente ao Concórdia (Foto: Divulgação/Barra FC)
Já no domingo, e no mesmo Camilo Mussi, em Itajaí, o Jaraguá recebeu o Marcílio Dias, time da cidade, mas que estava como visitante na ocasião. Um dos favoritos ao acesso, o Marinheiro não tomou conhecimento e passou o barco por cima do Jaraguá. Treinado por Hudson Coutinho, o Marcílio estreou com um sonoro 4x0. Matheus Henrique abriu o placar após bela jogada de Rodrigo Couto. De cabeça, duas vezes, o mesmo Rodrigo Couto ampliou o marcador para 3x0. Na primeira oportunidade, após escanteio cobrado por André Krobel. Na segunda, após cobrança de falta de Léo Lisboa. E foi Léo Lisboa que fechou o placar quando recebeu na área e fuzilou rasteiro, fechando o caixão do Jaraguá em 4x0.

Léo Lisboa comemora o gol que fechou a goleada do Marcílio sobre o Jaraguá (Foto: Divulgação/CN Marcílio Dias)
Mudando o nosso rumo, vamos até a cidade de Itaiópolis, mais precisamente no Estádio 16 de abril, onde o glorioso itinerante Operário de Mafra recebeu a equipe do Camboriú nesta abertura de campeonato. E foi neste jogo que justamente aconteceu a zebra da rodada. O Operário, franco-atirador, aproveitou o início lento do Camboriú e foi pra cima. Logo aos 6 minutos, Pedro cobrou falta de longe e abriu o placar para os mandantes. Logo depois, aos 16', Paulo Henrique bateu bonito no ângulo e ampliou a vantagem mafrense. Após isso, o Camboriú começou a dominar a partida e diminuiu o placar aos 18', com Brasão, após confusão na área. Seis minutos depois, Padu recebeu bom lançamento de Junior Maceió, dominou bem, e tocou para Brasão que só empurrou para o gol. Já na segunda etapa, a reação da Cambura viria a parar. Aos 18', Ian cobrou falta na área, a bola passou por todo mundo, e morreu no fundo das redes. E já nos acréscimos, em contra-ataque, Alves marcou o quarto e fechou o placar em 4x2 para o Operário.

Em Itaiópolis, Operário de Mafra surpreendeu a todos derrotando o Camboriú (Foto: Divulgação/Camboriú FC)
Nessa nossa viagem insana pela Segundona, a próxima parada é na cidade de Palhoça, no Estádio Renato Silveira, onde o Guarani de Palhoça recebeu a equipe do Juventus, não a de Turin, e sim a de Jaraguá do Sul. E a equipe do Linha de Fundo esteve presente na partida. O Bugre, mandante, claramente teve de dar o seu cartão de visita e pressionar o adversário, tanto que durante o primeiro tempo, chegou três vezes com perigo em bolas alçadas na área. E foi justamente com uma bola alçada na área que o Guarani abriu o placar com Thiago Henrique batendo de primeira aos 44 minutos. Na segunda etapa, o Juventus tentou se soltar mais na partida em busca do empate, coisa que quase conseguiu devido às lambanças do goleiro palhocense. Mas aos 25 minutos veio a tranquilidade para o Guarani. O juiz marcou pênalti, que o atacante Juliano bateu bem e ampliou e fechou o placar em vitória para o Bugre.

Momento do gol de pênalti do Guarani de Palhoça, marcado por Juliano (Foto: Patrick Silva/Linha de Fundo)
Terminando a nossa peregrinação pela "Santa e bela Catarina", chegamos ao ponto final: a cidade de Joinville, representada pelo Fluminense do Itaum, que recebeu a tradicional equipe do Hercílio Luz. Jogando na vazia Arena Joinville - partida foi com os portões fechados - o Flu não conseguiu fazer frente a equipe da cidade de Tubarão, e acabou sendo derrotado por 2x0. Os gols da partida foram marcados por Mateus Arence que abriu o placar de cabeça aos 2 minutos já da segunda etapa, e por Luis Meneses que também de cabeça, ampliou o placar ao 15'. O Fluminense do Itaum ainda teve a oportunidade de marcar seus gols em dois pênaltis. A primeira oportunidade aos 11', quando Samuel chutou para fora, e depois aos 37' em que o goleiro Martins acabou defendendo.

Jogadores comemoram gol de Luis Meneses que foi o segundo na vitória do Hercílio Luz (Foto: Divulgação/Hercílio Luz FC)
Com a rodada encerrada, o Marcílio Dias lidera a competição com o mesmo número de pontos de Operário de Mafra, Guarani de Palhoça, Hercílio Luz e Barra. O Jaraguá é o lanterna. Confira abaixo os resultados da rodada e a classificação.

Resultados e classificação após a primeira rodada da Série B do Catarinense
A segunda rodada da Série B terá todos os seus jogos realizados nesta quinta-feira, dia 6. No Colosso da Lagoa, em Erechim-RS, o Concórdia recebe o Operário de Mafra às 15h30. Mais tarde, às 20h, mais dois jogos: o Camboriú recebe no Roberto Santos Garcia a equipe do Guarani de Palhoça, e no João  Marcatto, em Jaraguá do Sul, Juventus x Jaraguá fazem o clássico da rodada. Completando essa segunda rodada, às 20h30, jogam Hercílio Luz x Barra, no Aníbal Torres Costa, em Tubarão, e no Doutor Hercílio Luz, em Itajaí, o Marcílio Dias defende a liderança frente ao Fluminense do Itaum.

Patrick Silva | @figueiradepre

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.