Header Ads

A Jaguatirica que virou Tigresa

Quatro jogos: dois empates e duas derrotas. Nunca foi tão difícil torcer pro Volta Redonda em uma competição de alto nível igual tem sido esse ano de 2017, visto que desde o Campeonato Carioca que o time vem oscilando dentro dos gramados. Na noite deste sábado (01) não foi diferente: o Esquadrão de Aço perdeu a segunda partida consecutiva nessa edição da Série C do Campeonato Brasileiro: 3 a 1 para o Tupi-MG em Juiz de Fora. Uma equipe que ainda não conseguiu sequer vencer como visitante mostra em campo um baixo nível técnico e muitos erros individuais que acabam culminando em gols do adversário. Nessa partida não foi diferente: praticamente os três gols sofridos foram de falhas individuais que sugerem uma pergunta: "O que estão fazendo com o nosso Volta Redonda Futebol Clube?".

Bom, perdemos a vaga no G-4, a zona de rebaixamento já está nos dando "Olá" e a equipe segue jejuando vitórias e distribuindo pontos gratuitamente a cada um dos seus adversários, como se existisse uma feira livre da gratidão, onde todo mundo entra em campo zerado e sai com um ou três pontos contra a gente; na pior das hipóteses, conquistamos um empate na base de muita luta e suor, "graças" às inúmeras falhas individuais e alguns milagres realizados pelo goleiro.

Por falar em goleiro, foi ele o grande nome da partida: Andrey impediu que o desastre fosse ainda pior, mesmo que tenha tomado um gol de cobertura aos 47 minutos do segundo tempo. Se eu culpo ele pelo resultado? Claro que não: é o que menos tem culpa dessa tragédia que vem acontecendo em campo, visto que existem muitos erros individuais e muito poucos são os coletivos, logo, não podemos afirmar que o time inteiro precisa ser considerado culpado pela derrota, mas sim alguns nomes específicos, como o do zagueiro Pedro Rosa.

Tupi-MG 3x1 Volta Redonda (Reprodução: Globoesporte.com)

Agora é bola pra frente e pensar no São Bento! Em casa somos mais fortes, e mesmo que o tropeço tenha vindo contra o Ypiranga-RS (um empate em 0 a 0), pode ser possível que o clube melhore e os resultados possam voltar a aparecer e o mesmo continue a nos dar tantas alegrias quanto nos deu nos últimos anos, principalmente no ano passado.

#AVANTEVOLTAÇO
#SÉRIEBÉLOGOALI

Por: Jefferson
@SiteLF

Um comentário:

  1. Parece que o Dija brigou com um colega durante os treinos. Apesar de o caso ter sido abafado, pode influenciar negativamente no ambiente do time, com consequências dentro de campo (corpo mole, não passada de bola e outras coisas)...

    Al Fatah Onofre, O Emir Aurinegro

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.