Header Ads

No Camp Nou, Juve desceu ladeira de cara com Messi

Messi e nada mais (foto: Tuttosport.com)

A retomada depois de cerca de 70 dias da derrota em Cardiff não seria fácil, subitamente o Barcelona no Camp Nou que mesmo com nem tanta confiança inicial teve Messi novamente como o grande do clube diante da Juventus que se apequenou diante das falhas e sucumbiu com o 3 a 0 final que se fez justo.

Tudo começou bem pra Velha Senhora que no 4-3-2-1 como módulo base teve De Sciglio e Bentancur como titulares, assim como Douglas Costa que não foi bem enquanto os outros dois atuaram de maneira correta de forma geral, mas a grande qualidade de jogo imposta por Pjanic não bastou já que as possibilidades de gol do clube italiano não resultaram em gol enquanto defensivamente o time de Max Allegri conseguiu segurar bem a criação blaugrana até um erro de recomposição defensiva aos 44' de jogo quando Messi tabelou com Suárez diante da área para bater cruzado, abrir o placar e retirar o número zero de gols feitos em Buffon nos diversos duelos, além de ruir os jogadores da Juve que foram pro intervalo crentes de que mereciam mais (e talvez o empate já fosse inconivente com as chances criadas pelos bianconeri).

Na segunda etapa, a Juve confirmou o tombo quando a atuação foi descendo cada vez mais a lomba em direção ao fundo com erros cada vez mais frequentes nos decorrer dos minutos, desde a saída de jogo quanto a taticamente o posicionamento era insuficiente, fazendo com que todos vissem Don Andrés Iniesta exibir sua classe e Messi seguir fazendo o que faz: Erro de posicionamento coletivo e Messi livre na linha de fundo pra empurrar pra trás e Sturaro deixar pra Rakitic ampliar. O terceiro foi mera casualidade, apesar de que com o 10 dos locais nunca ser banal, passou facilmente por dois para botar no contra pé de Buffon e dizimar a esperança de muitos italianos (e não) já calamitosos quanto a temporada que precisará de trabalho, muita serenidade e espírito de sacrifício pro bem do clube, além da paciência dos tifosi juventini.

A jornada é longa, mas sem dar por encerrada a caminhada porque a subida é logo ali.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.