Header Ads

Quem vê o placar, não imagina o sofrimento...

Depois de um 1º tempo horrível, São Paulo acorda e avança na Copa do Brasil

São Paulo postou no Twitter essa foto de Reinaldo em Alagoas com a legenda "Valeu, Maceió" @saopaulofc

 

São Paulo foi até Alagoas para enfrentar o CSA, pela segunda fase da Copa do Brasil. Depois de um 1º tempo horrível, muito abaixo do esperado, no 2º tempo o time acordou e logo no início Nenê abriu placar, depois Cueva, de pênalti, fechou em 2 a 0.

Tricolor foi com o que tem de melhor. Dentre os titulares, apenas Petros não jogou (cumprindo suspensão). Em seu lugar, Dorival optou por Hudson. Além de também optar por Bruno Alves na zaga, contando com Anderson Martins e Arboleda (recuperado) no banco.

O 1º tempo foi deplorável. Foram 5 finalizações do CSA contra apenas UMA do Tricolor Paulista. O time visitante errou muito, e nos erros o CSA tentou contra-atacar. São Paulo ficou tão desesperado que Rodrigo Caio virou atacante e tentou marcar. Parecia impossível uma reação são-paulina. Mas o inacreditável aconteceu. No 2º tempo logo aos 3' Cueva tabelou com Marcos Guilherme que cruzou para Nenê, que praticamente sem goleiro, colocou para dentro do gol. Diego Souza teve chance de fazer o 2º, mas a bola parou nas mãos de Mota. Aos 16' Diego sofreu pênalti, Cueva bateu e converteu. Fechando o placar em 2 a 0. Após os gols, o São Paulo se mostrou muito mais tranquilo, sem pressão e trabalhou mais a bola, mesmo assim não saiu mais nenhum gol.

Por mais que não estão sendo atuações boas, o São Paulo completa 4 vitórias consecutivas (2 no Paulista e 2 na Copa do Brasil).

Tricolor agora tem pela frente o clássico contra o Santos, domingo, às 17h, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista. Pela Copa do Brasil enfrentará o CRB (ganhou nos pênaltis do Novo Hamburgo), ainda sem data e local definido.

FICHA TÉCNICA
Local: Estádio Rei Pelé, Maceió - AL
Gols: Nenê e Cueva (SAO)
Cartões amarelos: Leando Kivel (CSA); Militão (SAO)
Cartões vermelhos: Yuri (CSA)
Arbitragem:  Braulio da Silva Machado (SC), auxiliado por Carlos Berkenbrock e Helton Nunes (ambos de SC)

CSA:
Mota; Talisson, Leandro, Nandão e Rafinha; Dawhan, Costa e Yuri; Giva (Yago), Didira (Bruno Veiga) e Leandro. Técnica: Flávio Araújo

SÃO PAULO:
 
Sidão; Militão, Bruno Alves, Rodrigo Caio e Reinaldo; Hudson, Jucilei, Nenê (Valdívia) e Cueva (Shaylon); Marcos Guilherme (Caique) e Diego Souza. Técnico: Dorival Júnior

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.