Header Ads

Mesmo com a volta do Rei Arthur ao Baenao o Remo perde para o Salgueiro em casa

O Remo jogou hoje, 03/06, contra o Salgueiro em casa, no Mangueirão, pela 8ª rodada da terceira divisão do Campeonato Brasileiro. Mesmo com a volta do Rei Arthur ao comando azulino a equipe ainda assim sofreu a derrota, em meio à malandragem do Carcará, erros de apito e dos próprios jogadores igualmente. Entretanto, já foi possivel observar uma mudança de comportamento do time após a demissão de Givanildo Oliveira, que se bem trabalhada pelo novo técnico pode finalmente tirar o Mais Querido dos seus tempos de crise. 

O Leão começou dominando a partida, apresentando só nesse início de jogo melhor desempenho que em praticamente todos os outros jogos anteriores das outras rodadas. Logo aos 6 minutos Mondragon fez sua primeira aparição, e foi ele quem foi, dentre outros fatores, grande responsável pelo Tricolor não ter sofrido nenhum gol. Até os 20 minutos foram pelo menos três notáveis defesas do goleiro do Carcará, e durante esse tempo não houve uma sequer chance de gol para os visitantes. 

Foto: Fábio Will/Ascom Remo


Porém tudo mudou aos 23', após uma cobrança de falta fechada Emerson aproveitou a falha do goleiro Vinicius para finalizar o lance, marcando 1 a 0 para o Salgueiro, na primeira oportunidade que o time pernambucano teve. Mais duas grandes chances foram desperdiçadas pelo Remo ainda na primeira etapa, que mesmo estando muito melhor no jogo não conseguiu nenhuma progressão, de fato, até o apito.

A calma que o Leão vinha tendo se mostrou abalada na volta dos vestiários, e foi possível notar cansaço dos jogadores remistas somado a uma melhor atuação da equipe visitante em relação ao primeiro tempo. Em meio a meio de tentativas dos dois lados, o técnico Arthur Oliveira se viu obrigado a realizar todas as 3 substituições possíveis, enquanto Sérgio China fez somente duas, porém nem a significativa mudança no esquema tático foi suficiente para diminuir os prejuízos ao clube paraense.

O time azul-marinho teve ainda mais uma chance, após um desvio de Mimica para Moisés, que estava livre dentro da área, mas devido a sua posição e ao número de adversários que se encontravam entre ele e o gol acabou mandando a bola para fora, devido ao exagero de força na hora do chute. Aos 45 minutos o Carcará de Aço teve a chance de fazer seu segundo gol, quando Willian Anicete se viu cara a cara com Vinicius na área, mas chutou para fora.

Com a derrota sofrida o Remo agora corre risco de cair para a zona de rebaixamento caso o Globo venca o Botafogo-PB amanhã, risco esse que já estaria igualmente presente caso o resultado fosse um empate. O objetivo azulino agora tem de ser, alem de persistência para tentar subir de colocação, um trabalho bem realizado na parte técnica do time, para tentar enfim corrigir os diversos problemas presentes na atuação do time desde o início da Série C. O próximo adversário do Leão será o Timbu no próximo sábado, em Pernambuco. Voltar de lá com uma vitória é essencial para uma possível recuperação remista no segundo turno do certame, e outra derrota desenharia o pior cenário possível para a equipe paraense.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.