Header Ads

O vôo da Águia fora de seu ninho

Neste domingo(7)  jogaram pela Bundesliga no Rhein-Neckar-Arena em Sinsheim na Alemanha, Hoffenheim e Eintracht Frankfurt. Os visitantes venceram a partida chegando à sétima colocação e já podem começar a pensar em qualificação para competições europeias.

O Hoffenheim, veio a campo com: Baumann, Akpoguma, Vogt e Posch, Brenet, Demirbay, Grillistch, Leo Bittencourt e Schulz, Belfodil e Szalai. Já o Eintracht começou a partida com: Trapp, Hasebe, Russ e N'Dicka, Kostic, Allan, Gelson Fernandes, De Guzmán e Danny Da Costa, Ante Rebic e Luka Jovic. Formação que foi usada na vitória de 4 a 1 sobre a Lazio pela Europa League. 

O primeiro tempo foi marcado por um domínio de posse de bola do time da casa que não conseguia transpor as linhas de marcação compacta do Frankfurt (apesar de terem colocado duas bolas na trave), a defesa encaixou, Kevin Trapp quando foi exigido mostrou grande qualidade. O Eintracht continuou com sua proposta durante toda a primeira etapa, esperando um erro adversário para mostrar sua eficiência, e aconteceu aos 40 minutos: Após um lateral mal batido pelo Schulz nos pés de Luka Jovic, que como de costume, levantou a cabeça e lançou para o craque croata Ante Rebic entrar em velocidade, Baumann saiu do gol e viu Rebic tocar de cobertura para abrir o placar. 1 a 0 e intervalo.

O segundo tempo começou com a entrada de Mijat Gacinovic no lugar do brasileiro Allan e logo em sua primeira participação(46min) fez uma bela jogada e deixou Luka Jovic livre pra marcar o segundo. 2 a 0 pros visitantes da cidade intelectual. Aos 64 minutos Rebic, que estava sendo o melhor em campo, tomou seu segundo amarelo e foi expulso, o que animou o time da casa.. O Hoffenheim pressionou o restante do jogo, mas só conseguiu marcar aos 82 com o suplente Reiss Nelson, e ficou por isso mesmo. 2 a 1 e vitória dos Águias fora de seus domínios. 

Terminando a semana com chave de ouro. Por: Reprodução/Twitter Oficial do Eintracht Frankfurt
Finalmente após 7 rodadas o time se encontrou: com 3 vitórias, 1 empate e 3 derrotas a estabilidade começa a aparecer. O trabalho de Adi Hutter que já estava sendo contestado já pode ser considerado bom, pois ele está conseguindo resultados expressivos na Liga Europa  e se recuperando na Bundesliga mesmo após o desmanche sofrido pelo elenco na última temporada, mostrando grande potencial para suprir a ausência de Niko Kovac. 

Por: Gabriel Ferraz / @_vsferraz

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.