Header Ads

Uma troca no comando técnico é suficiente para o Vila Nova?


Reprodução: Vila Nova FC

Demissão 

No último sábado (13) com a derrota para o Atlético-GO em um dos clássicos mais tradicionais do estado, o presidente Ecival Martins tomou a decisão de demitir o então técnico Eduardo Baptista. 
Lembrando dos jogos antes da parada para a Copa América, nos deparamos com um estado de alerta claramente já ligado. Eliminação que custou milhões para um time de divisão inferior, eliminação na semi do goiano para o mesmo atlético e uma campanha inconsistente no brasileiro com apenas duas vitórias em 8 jogos. Sabendo que o time não demostrava evolução, acarretava preocupações e que teria um mês de pausa, talvez seria correto ter feito a troca naquele momento. 
Porém a diretoria esperou o retorno e na primeira derrota demitiu o treinador.  Mostrando no mínimo uma falta de planejamento e convicção. Resultando na perda de um mês de treinamento para a implantação da metodologia do novo contratado. 

Marcelo Cabo no comando

De forma rápida o Vila anunciou o novo técnico, Marcelo Cabo. Último trabalho no CSA, currículo excelente, com acessos e títulos.  Chega com a expectativa de subir o time e para alguns torcedores mais pessimistas, evitar um acalamidade, o rebaixamento. 
É claro que o Eduardo tomou decisões controvérsias de escalações e mexidas durante os jogos, era o responsável por um esquema de pouca efetividade, por isso, grande parte da baixa produção do time fica em sua conta. 
Por tudo isso, esperamos que Cabo traga novos ares para o clube, mas com a consciência de que só essa troca não é suficiente, ele precisa de mais material humano para conseguir resultados, não pode ficar refém de um único centroavante na equipe, e que sua maior marca são 5 cinco gols em campeonato. 
Marcelo Cabo vai precisar que a diretoria cumpra o que vem prometendo, vai precisar de paciência para lidar com o complicado ambiente do Vila Nova e de todo nosso apoio.

7 comentários:

  1. Primeiro quero parabenizar por mais um meio de informação sobre o VILA NOVA FC. Sobre o assunto referido (Substituição)da comissão técnica, inicialmente estávamos precisando em caráter de urgência. Creio que 70% dos nossos problemas começaram a serem resolvidos.*Meu nome é José Wilson*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço demais o retorno. Apesar dos outros problemas tenho uma expectativa no novo trabalho, pode dar muito certo.

      Excluir
  2. Parabéns! Ótimo texto, trouxe visão clara do assunto mais importante do momento. Temas não irão faltar quando se fala de Vila Nova. E torço para que essa página cresça. Vamos compartilhar para que milhares de vilanovenses possam se informar por aqui.
    Marcelo Carvalho

    ResponderExcluir
  3. Bem demais Ana! Belo texto. Meus parabéns, no que puder ajudar estarei a disposição!!

    ResponderExcluir
  4. Ana Lívia se mostra coerente em seus pensamentos futebolísticos, e esse artigo é a evidência disso. Curto e direto. Eficiente e eficaz. Mas porque será que essa análise pela nossa diretoria demorou toda uma Copa América? E será que a culpa é apenas do Eduardo Batista? Nosso diretor de futebol, que em sua maioria contratou jogadores inexperientes (menos de 23 anos) e que não acrescentaram em nada, e que é sabido nos bastidores que possui problema de relacionamento não tem culpa também? Fica a sugestão do tema para um novo artigo. Abraço. Continue assim.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.