Header Ads

Certo por linhas tortas

Caros tricolores, o futebol sendo uma das coisas mais importantes dentre as menos importantes (Arrigo Sachi) nos proporciona lições e aprendizados que podem ser facilmente aplicados em todos os outros contextos e momentos da nossa existência. Tudo isso para explicar porque o Fortaleza venceu por 1 a 0 o Botafogo na última segunda-feira. Foram aproximadamente 46 dias de uma troca de comando técnico, com muitos altos e baixos (mais baixos por sinal) e uma eminente entrada na zona de descenso seria a cena do nosso próximo capítulo.

O título do texto nos explica bem o houve e traz reflexões para a nossa vida de uma maneira geral, agora está acontecendo tudo aquilo que deveria ter acontecido de forma natural assim como um rio segue seu curso sem desvios, entretanto, somos passíveis de erros e de decisões inoportunas que nem sempre podem refletir melhoras na nossa qualidade de vida, e com 46 dias depois, lá estava ele na beira do campo, jogando junto com o time, gritando, gesticulando, reclamando, trazendo de volta o espírito vencedor e o brilho no olhar que pareciam ter desaparecido sem sua presença.

Sobre o jogo, o Fortaleza voltou a ser aquele time intenso, que busca o gol a todo momento, que pressiona a saída de bola, que luta em cada dividida e que possui calma na troca de passes e que representa de forma verdadeira sua torcida dentro das 4 linhas. Inúmeras chances de gols foram criadas, 3 bolas na trave, gol anulado e um alento se continuar dessa maneira teremos grandes chances de permanecer na primeira divisão do futebol nacional. A confiança da equipe está em alta e aproveitar isso será de suma importância para a reta final da competição.

Tenho a crença que tudo possui um tempo certo e que nos deram uma segunda chance para redefinir a nossa vida, cabe a nós saber aproveitar as oportunidades, pensar positivo, trabalhar de forma ainda mais forte que o principal objetivo será alcançado.

Ceni justifica volta ao Fortaleza: "Conhecia o caráter dos jogadores"
Fortaleza vence em reestreia de Ceni no comando técnico. (Leonardo Moreira/ FortalezaEC) 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.