Header Ads

Em 2015, torcida Corintiana liderou média de público, taxa de ocupação e renda

O ano de 2015 do Corinthians começou perfeito, teve um momento de turbulência no meio da temporada, com eliminações no Estadual e Libertadores e terminou superando as expectativas com o Hexacampeonato Brasileiro.

Além do título nacional, o Timão também conquistou outras três importantes marcas ao longo do ano: maior média de público, maior média de ocupação e maior renda bruta com venda de ingressos.

Os dados são do portal globoesporte.com e englobam todos os jogos do ano, incluindo Campeonato Paulista, Copa Libertadores, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.


A média de público foi de 33.480 pagantes por jogo, no total, 1.171.810 torcedores foram ao estádio em 35 partidas com mando do alvinegro. É a maior média entre todos os clubes das séries A, B e C do futebol brasileiro.

O Corinthians também terminou líder no ranking de taxa de ocupação do estádio, com 71% de média. R$ 72,7 milhões foi o total arrecadado com bilheteria, média de R$ 2.077.132 por partida, com um ticket médio do ingresso no valor de R$ 62.

A maior de média de público e renda foi registrada na Copa Libertadores. Eliminado nas oitavas de final da competição, o Corinthians fez cinco jogos na sua Arena. 36.653 pagantes, R$ 3.181.236 de renda, e taxa de ocupação de 81% por jogo, foi à conta da Fiel no torneio continental.


O clássico contra São Paulo, no dia 22/11, válido pela 26ª rodada do Brasileirão, marcou o recorde público no ano: 44.976 pessoas pagaram ingresso para assistir a goleada de 6 a 1 do Timão sobre o rival, alcançando uma taxa de 94% de ocupação e renda de R$ 2.939.497.


Como visitante, a Fiel também marcou presença e garantiu uma média de 16.556 pagantes por jogo. A taxa de ocupação de 45% nos jogos fora de casa superou a média de todos os clubes das três principais divisões do futebol nacional que foi de 28%.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.