Header Ads

Um início promissor de Brasileirão

Bauza tem conseguido manter o time focado no Brasileirão (Foto: Rubens Chiri/site oficial do São Paulo)
Após um começo de ano conturbado, com queda precoce no Campeonato Paulista e quase eliminação na Taça Libertadores, o São Paulo finalmente se acertou sob o comando de Bauza. Além de estar entre os quatro melhores da América, o time faz um bom início de Campeonato Brasileiro, estando entre os seis primeiros depois das seis primeiras rodadas.

A campanha é melhor do que a esperada, pois o elenco tem muitos desfalques, ao todo treze jogadores não puderam atuar na última partida. Entre eles, algumas peças fundamentais, como Hudson, Wesley, Michel Bastos e Calleri. Outros estão defendendo as suas respectivas seleções na Copa América Centenário, são os casos de Mena (Chile), Rodrigo Caio e Paulo Henrique Ganso (Brasil).

Com isso, o time que seria o ideal, ainda não foi visto no Brasileirão. Todos sabem que a prioridade do Tricolor Paulista é o tetracampeonato da Libertadores e que ainda não está cem por cento focado no campeonato nacional. Diferentemente dos times que estão à sua frente na tabela, os rivais Corinthians e Palmeiras, o Grêmio, – eliminados antes na Libertadores – Flamengo e Internacional, começaram o campeonato com força máxima.

Ytalo marcou na estreia e o São Paulo venceu mais uma fora de casa (Foto: Rubens Chiri/site oficial do São Paulo FC)
No entanto, quem vem atuando, tem dado conta do recado. Muitos jogadores revelados em Cotia estão aproveitando a oportunidade – Lucas Fernandes, inclusive, marcou o gol da vitória contra o Botafogo. Por outro lado, Alan Kardec ainda está devendo, se quer marcou um gol no campeonato. Porém, o mais importante é que os resultados estão vindo e o objetivo de estar entre os primeiros colocados está sendo conquistado.

Sobretudo fora de casa, onde era tão contestado por não vencer este ano, no Brasileirão conquistou a maior parte dos pontos – sete em doze disputados. No Morumbi, foram apenas dois jogos, uma vitória sobre o Palmeiras no clássico e um tropeço diante do Internacional – se tivesse vencido, estaria com os mesmos treze pontos de Grêmio e Corinthians, enquanto o colorado estaria com dez.

Com o título da Libertadores, caso venha, terá a vaga na próxima edição garantida e um Mundial para disputar no fim do ano. A outra possibilidade, é a perda do título, que forçaria o time a buscar a classificação através do Brasileirão ou da Copa do Brasil. Portanto, ainda não é possível saber como o São Paulo tratará a competição nacional, mas a tendência é que o time embale ainda mais tendo força máxima. Por que não buscar o hepta brasileiro?

Por: Marcelo Júnior || Twitter: @marcelinjrr

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.