Header Ads

O futebol mineiro vive: "rodada perfeita" na Série C; dois avançam na Série D

Quem tem acompanhado apenas as duas principais divisões do Campeonato Brasileiro, sabe que América-MG, Atlético e o Cruzeiro na Série A e o Tupi na Série B têm feito campanhas nada convincentes dentro da perspectiva de cada um. Mas se engana quem pensa que o futebol mineiro está indo de mal à pior em todas as competições. Nas Séries C e D, Minas Gerais vem sendo bem representado no cenário nacional.

Série C: Boa Esporte não toma conhecimento do Guaratinguetá, aplica goleada e fecha primeiro turno na sexta colocação; Tombense vence a Portuguesa e assume vice-liderança


A última rodada do primeiro turno só confirmou a excelente fase dos representantes mineiros na Série C. À começar pelo Boa Esporte, que não apenas venceu o Guaratinguetá no sábado (16), como goleou por 4 a 0. O destaque ficou por conta de Ricardinho, que anotou um hat-trick na partida, enquanto Carlos Renato marcou o outro gol. No entanto, nem tudo são flores, já que o técnico Julinho Camargo pediu demissão em seguida, alegando problemas pessoais.

O Tombense é o melhor mineiro na Série C (Foto: Dorival Rosa/Portuguesa)
O Tombense, por sua vez, só entrou em campo na segunda-feira (18), para enfrentar a Portuguesa, no Canindé. Para voltar ao G-4, só uma coisa interessava ao time mineiro, os três pontos. Mesmo fora de casa, a equipe venceu por 2 a 0 com dois gols de Felipe Alves, fechando o primeiro turno em grande estilo, na vice-liderança.



Com boas campanhas, Boa Esporte (6º) e Tombense (2º) seguem com grandes chances de colocarem pelo menos um representante mineiro no mata-mata, que vale o acesso à Série B. Além disso, os dois principais artilheiros da competição são das equipes, Ricardinho, do Boa Esporte, e Daniel Amorim, do Tombense, marcaram oito e sete gols respectivamente. 

Restando apenas nove jogos, os dois times, inclusive, se enfrentarão próxima rodada, que abre o returno. No primeiro turno, os times ficaram no empate por 1 a 1, em Varginha. Desta vez, o duelo será em Tombos no próximo domingo (24), às 11h.

Série D: Caldense e URT avançam; Villa Nova decepciona e dá adeus

No último fim de semana, tivemos a rodada derradeira dos grupos da Série D, que definiu os classificados para a próxima fase. Pelo regulamento, avançariam todos os primeiros e os quinze melhores segundos colocados, ao todo, trinta e dois formariam a segunda fase. Entre os representantes mineiros, três entraram em campo e apenas a Caldense já havia se garantido na próxima fase, enquanto URT e Villa Nova-MG tinham grandes chances.

Por ser o campeão mineiro do interior de 2016, o URT garantiu a vaga na competição nacional pela primeira vez em sua história. Porém, com um elenco totalmente reformulado  apostando em muitos jovens – e um novo treinador, os torcedores não poderiam depositar grandes expectativas em relação à competição nacional. Apesar das limitações, a equipe patense conseguiu se classificar na última rodada como um dos quinze melhores segundos, depois da vitória sobre a Desportiva Ferroviária, por 1 a 0. O gol foi marcado pelo atacante Toni.

A Caldense teve maior facilidade para avançar (Foto: Divulgação/caldense.com.br)
Com uma campanha sólida, a Caldense sobrou no Grupo A13, se classificando antecipadamente. Apesar da derrota para o Espírito Santo por 1 a 0 na última rodada, o time também garantiu a liderança da chave e é dono de uma das melhores campanhas da competição até o momento. Contudo, a equipe de Poços de Caldas não se contenta com "apenas isso", o objetivo principal é conquistar o acesso, que esteve perto na última temporada. 

Já o Villa Nova-MG, que quase desistiu da vaga na Série D por conta das enormes dificuldades financeiras, desde o início teve uma campanha muito irregular no Grupo A14. Apesar disso, o Leão chegou na última rodada dependendo apenas de uma vitória contra a já eliminada Portuguesa-RJ para avançar entre os quinze melhores segundos colocados. No entanto, o time foi derrotado por 1 a 0, caindo para a terceira colocação e só terá partidas oficiais em 2017.

Com isso, dois se classificaram, passando pelo primeiro obstáculo rumo ao acesso à Série C. Agora, os representantes de Minas Gerais disputarão o mata-mata, podendo se enfrentar nas oitavas caso ambos avancem. Confira os adversários dos mineiros na próxima fase:

Anápolis x Caldense

Caldense x Anápolis

URT x Volta Redonda

Volta Redonda x URT


Por: Marcelo Júnior || Twitter: @marcelinjrr

2 comentários:

  1. Só um detalhe do Villa Marcelo. O time que jogou a série D é o composto basicamente por Juniores que fazem grande campanha no campeonato mineiro, com vitórias importantes contra os grandes da capital. Faltou experiencia. Mas enfim, agora esses meninos voltam para a base para disputar o hexagonal final do mineiro com chance boa de aprontarem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, o URT também tem um elenco composto por muitos jovens, mas houve a mescla com a experiência e deu resultado. Espero que tenha um Caldense x URT, mas se o time patense cair para o Volta Redonda, já conseguiu ir mais longe do que o esperado.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.