Faça Parte

Sobre a Copa Conmebol

O Olímpia foi a vítima do Galo em sua primeira conquista da Conmebol, em 1992.
(Foto: VAVEL)
Como vocês sabem, o Galo tem em sua galeria de troféus duas Copas Conmebol, conquistadas em 1992 e 1997. E eu costumo ver por aí muito atleticano se gabando desses títulos e, baseado nisso, refleti se a possante Copa Conmebol era digna de todo esse orgulho.

E a resposta é: não.

Quer dizer, a Copa Conmebol até tem o seu valor, por ser a primeira conquista internacional do Galo e tal... Mas é só. Para você ter uma ideia, ela era a TERCEIRA competição mais importante do continente, uma vez que a Supercopa Sul-Americana recebia mais atenção por reunir apenas campeões da Libertadores.

Além disso, a Conmebol não dava vaga pra Libertadores, fato que a deixa com relevância similar a da Primeira Liga. 

Eu não tive acesso aos números, mas eu tenho certeza de que a premiação deveria ser uma porcaria. Pense bem: nos anos 90 ainda não se pagavam grandes fortunas, ainda mais para a terceira competição da América. 

No ponto de vista técnico, a situação também não é das melhores. Equipes tradicionais como o Santos chegaram a jogar e ganhar o torneio, mas a regra era times sem tradição alguma participarem, como Rosário Central, São Raimundo, CSA, Vila Nova etc. Ou seja, o nível não era nada alto.

Enfim, a razão pela qual alguns torcedores do Galo se vangloriam por ter conquistado a Copa Conmebol é porque o clube não tem títulos importantes o suficiente para ignorá-la. Santistas e São-Paulinos nem se lembram de quando ganharam esse campeonato por terem várias outras taças mais dignas de comemoração.

Assim que ganharmos um Brasileirão e mais umas duas Libertadores, a Copa Conmebol cairá no completo esquecimento.

Me xingue nos comentários.

@victokkk

Postar um comentário

2 Comentários


  1. Não ia perder meu tempo em te xingar porque você é um mal informado em muitas partes. Deve ser um torcedor nascido nos anos 90, então vou te chamar de ignorante. Quero saber se pra você a Sul-Americana tem valor. No caso deve ser por conta da influência da televisão. Critérios da Sul-Americana é chegar entre a 9ª ou 10ª colocação do campeonato Brasileiro até a 14ª colocação. Hoje existe G8 pra Libertadores. Só disputava a Copa Conmebol o vice do Campeonato Brasileiro (isso mesmo), 3º e 4º colocados mais o vice campeão da Copa do Brasil. O torneio que o CSA chegou a final é por que a competição perdeu força com o anúncio de uma nova competição - a Mercosul- mas isso é culpa da Entidade. A Conmebol tinha o mesmo molde da Copa da UEFA que os nutelas de plantão (como deve ser o seu caso) puxavam tanto saco e acompanhavam pela TV. O problema da Conmebol foi não ter jogo transmitido pela Globo, capaz de transformar uma final de Recopa Sul-Americana que qdo Galo e Grêmio disputam não valer nada a ter o mesmo peso de uma Champeons League quando é disputada por São Paulo e Corínthians, como em 2013!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E pra acrescentar ao seu texto bem mais ou menos, disputaram finais da competição o Olímpia (que já era bi da Libertadores e campeão mundial interclubes), Peñarol, São Paulo, Rosário Central e Lanús, além do próprio Atlético. Na mesma época Sporting Cristal (minúsculo do Peru) chegava a uma final de Libertadores! Realmente seu conceito foi por água a baixo.

      Excluir