Header Ads

Defesas de Sidão e raça de Pimpão dão vitória ao desfalcado Botafogo

Com muitos desfalques, o Botafogo surpreendeu e derrotou o Vitória, fora de casa, na noite deste domingo (18), em jogo válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Rodrigo Pimpão foi o autor do gol que deu o triunfo ao Glorioso, que agora é 9º colocado na tabela com 38 pontos conquistados. O próximo desafio do Alvinegro será a partida de volta pela Copa do Brasil, diante do Cruzeiro, no Mineirão, na próxima quarta-feira (21). 

O JOGO

O Botafogo não fez uma boa exibição. O Vitória foi superior e criou inúmeras chances. Mas como sabemos, o futebol muitas vezes é injusto. E foi. O Glorioso, que não jogou bem, fez um único gol, ainda no primeiro tempo e saiu do Barradão com o triunfo. 

No primeiro tempo, o time baiano deu trabalho e assustou em diversos momentos. Aos 10', por exemplo, Cárdenas chutou de longe e mandou a bola perto da trave do goleiro Sidão. Mas o nível da partida não era nada bom, muito pelo contrário. Vitória e Botafogo erravam passes em demasia. Aos 27 minutos, Sidão fez uma excelente defesa. Marinho recebeu ótimo passe e Diego Renan chutou cruzado. A bola desviou na zaga e quase encobriu o goleiro do Alvinegro, que se esticou todo e evitou o gol dos rubro-negros. Aos 30', foi a vez de Marinho cobrar falta rasteira. Sidão mais uma vez defendeu. Aos 40 minutos, Zé Love invadiu a área e foi tocado de forma leve por Victor Luis. O atacante então se jogou (uma vez que o toque não foi suficiente para derrubá-lo) e conseguiu o pênalti. Diego Renan foi para a cobrança e parou em Sidão, que defendeu. Pênalti roubado não entra. Instantes depois, Zé Love cruzou na área e Kieza desviou por cima do gol. O Botafogo respondeu, na única chance que teve, aos 44'. Rodrigo Pimpão dominou, ganhou disputa com Diogo Mateus e deu um balão em Vinícius. Na sequência, após saída apavorada do goleiro Fernando Miguel, o atacante do Bota, ágil como um capoeirista, deu um toquinho e viu a bola ir lentamente para o fundo das redes. 1 a 0 e fim do primeiro tempo. 

Na raça, Pimpão marcou o gol da vitória (Foto: Botafogo Oficial)
O Glorioso retornou para a etapa final sem alterações. Aos 16 minutos, o Vitória quase empatou em lance inacreditável. Diego Renan recebeu na área e chutou cruzado. Sidão defendeu e deu rebote. Na sequência, Kieza acertou a trave. A bola seguiu viva e sobrou para Zé Love, que debaixo do gol, finalizou por cima. Ufa! 

Jair Ventura promoveu a primeira alteração no time, tirando Canales e colocando Gervasio Núñez em campo. Aos 26', Marinho bateu falta com veneno e mandou a bola rente à trave. Aos 36', Dudu Cearense, já amarelado, deu lugar ao também volante Rodrigo Lindoso. No minuto seguinte, o Botafogo poderia ter ampliado o placar. Victor Luis recebeu na área, driblou o adversário e tentou tocar a bola para Camilo, mas Diego Renan chegou antes e evitou o gol. Aos 43', Diogo Barbosa, cara a cara com o goleiro, chutou forte. Fernando Miguel, no entanto, defendeu. Aos 46', já nos acréscimos, o autor do gol, Rodrigo Pimpão, foi substituído por Vinícius Tanque. O jogo terminou aos 50 minutos. Botafogo 1 a 0, na superação. 

OBSERVAÇÕES

Cheio de desfalques, o Botafogo surpreendeu e arrancou uma vitória sensacional fora de casa. Poucos esperavam. Jair Ventura vai sempre armando times diferentes, uma vez que sem alguns atletas, lesionados e/ou suspensos, o treinador é obrigado a fazer adaptações de acordo com os adversários. Parabéns! 

Sidão brilhou. Fez defesas sensacionais e garantiu o triunfo. A boa campanha do 
Botafogo se deve e muito ao goleirão, que vem substituindo Jefferson com atuações seguras. 

Sidão defende pênalti (Foto: Edson Ruiz/ COOFIAV/ Lancepress!)
















Joel Carli é um zagueiraço. Melhor contratação gringa do ano. 

Para terminar, quero deixar claro que, por mim, o Botafogo nem jogaria a partida de volta na Copa do Brasil no meio da semana. Mas, como isso não vai ocorrer, que tal escalar um time só de juniores? Os jogadores não podem correr o risco de também se lesionarem. Jair Ventura precisa de TODOS os reservas à disposição. 

FICHA DO JOGO

Vitória 0
Fernando Miguel, Diogo Mateus (Vander), Ramon, Vinicius, Diego Renan; Marcelo (Serginho), Willian Farias, Cárdenas (David); Marinho, Kieza, Zé Love. Técnico: Argel Fucks. 

Botafogo 1
Sidão, Emerson Santos, Joel Carli, Emerson Silva, Victor Luis; Dierson, Dudu Cearense (Rodrigo Lindoso), Diogo Barbosa, Camilo; Canales (Gervasio Núñez), Rodrigo Pimpão (Vinícius Tanque). Técnico: Jair Ventura.  

Estádio: Barradão (BA). 
Árbitro: Rodrigo Alonso Ferreira (SC). 
Assistentes: Henrique Ribeiro (SC) e Johnny Barros (SC). 
Gol: Rodrigo Pimpão (44' do 1º T). 
Cartões amarelos: Marcelo e Vander (Vitória); Dudu Cearense, Victor Luis, Diogo Barbosa e Emerson Silva (Botafogo). 
*Público e renda não foram divulgados. 

Por: Gabriel De Luca (@biel_dluca). 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.